Paulo Coelho pede punição aos terroristas que atacaram Porta dos Fundos


O escritor Paulo Coelho escreveu em sua conta no Twitter, nesta quarta-feira (25), que é necessária a punição dos terroristas que jogaram duas bombas incendiárias (coquetéis molotov) na sede da produtora do programa humorístico Porta dos Fundos, no Humaitá, bairro da zona sul do Rio.

“Se os terroristas que atacaram o Porta dos Fundos não forem imediatamente punidos, isso vai empurrar o país para conflito de proporções gigantescas”, postou Paulo Coelho.

O atentado ocorreu no momento em que o “Especial de Natal do Porta dos Fundos” é alvo de uma campanha de ataques nas redes sociais de grupos ligados ao bolsonarismo e ao fundamentalismo evangélico. O Filme, exibido pela Netflix, retrata Jesus Cristo como gay.

O ataque não provocou vítimas, mas poderia de ter incendiado todo o prédio, o fogo foi contido por um funcionário que estava no escritório da produtora.

LEIA TAMBÉM:

Sede da Porta dos Fundos sofre atentado com ‘coquetéis molotov’ nesta terça

MP quer censurar ‘Especial de Natal Jesus Gay’ do Porta dos Fundos

Jesus Cristo ‘gay’ do Porta dos Fundos bate recorde na Netflix

As imagens da câmera de segurança da produtora identificaram uma moto e uma picape preta passando pelo local na hora do atentado, segundo informações do G1.