wilson witzel 3 868x644 e1588796678718

Caso Marielle: Witzel diz que declarações de Bolsonaro são ‘levianas’

Wilson-Witzel-3-868x644
Wilson Witzel, governador do Rio de Janeiro, negou mais uma vez que tenha vazado o depoimento de porteiro do condomínio onde mora o presidente da República, Jair Bolsonaro. “Eu não vazei nenhuma informação sob sigilo e não tive acesso aos autos do processo de investigação do caso Marielle. Não tenho bandido de estimação. Seja ele político, filho de todo poderoso, miliciano”, disparou o governador em entrevista ao jornal O Globo nesta sexta-feira (1).

O governador carioca, ex-aliado de Bolsonaro, classificou de levianas as declaraçoes sobre o vazamento de informações do caso que envolve o assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. “São declarações levianas e sem prova. Uma conduta não compatível com a democracia. Não vou permitir atentar contra o povo do Rio e a democracia, pois seria crime de responsabilidade Não esperava esse comportamento do presidente”, disse Witzel.

LEIA TAMBÉM:

Freixo diz que afastamento de promotora bolsonarista é “um passo importante para imparcialidade das investigações”

Promotora bolsonarista “pede para sair” da investigação do assassinato de Marielle

Perícia do MP em portaria de Bolsonaro foi apressada e incompleta

Durante a semana, a troca de farpas entre o presidente e o governador ampliou a distância entre os dois antigos aliados políticos.