Por Esmael Morais

Eduardo Bolsonaro assume presidência do PSL em São Paulo

Publicado em 10/06/2019


O deputado federal Eduardo Bolsonaro será empossado presidente do diretório paulista do Partido Social Liberal (PSL) nesta segunda-feira (10). O nome do filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, não é um consenso. A posse acontece em meio a uma acirrada disputa interna na legenda.

Nas últimas semanas, o parlamentar enfrentou um movimento de oposição liderado por Alexandre Frota (SP), seu colega na Câmara dos Deputados, que promete “colocar fogo” no partido durante sua gestão.

“O Frota tenta fazer barulho sem ter o menor conhecimento do estatuto. Isso só causa turbulência negativa”, disse o senador Major Olímpio, eleito por São Paulo.

Frota disse que não foi contra a escolha de Eduardo, mas sim contra a “forma” como o processo foi conduzido, informa o UOL.

“Estou aguardando há dez dias os documentos de prestações de conta do diretório estadual e até agora não me enviaram”, afirmou o parlamentar.

O PSL tem 271,7 mil filiados e planos de lançar candidato a prefeito em todas as cidades onde estiver organizado.