Por Esmael Morais

Moro é derrotado na Câmara e perde Coaf

Publicado em 22/05/2019

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, sofreu mais uma derrota na Câmara. Hoje à noite, os deputados retiraram o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do ex-juiz da lava jato.

O órgão voltou para o Ministério da Economia de Paulo Guedes pelo placar de 228 votos a 210.

LEIA TAMBÉM
Manifestação do dia 26 tem a cara do fiasco

“O Coaf não vai fazer o Brasil crescer. Temos 20% da população cozinhando com lenha e carvão; é se preocupando com essas pessoas que vamos fazer o País crescer”, minimizou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O Coaf fazia parte do Ministério da Fazenda até o fim do governo Temer. A MP 870/19 transferiu o órgão para o Ministério da Justiça e Segurança Pública, comandado por Sérgio Moro, mas a comissão especial decidiu devolvê-lo para o Ministério da Economia.