PT repudia crime da Vale em Brumadinho

A executiva nacional do Partido dos Trabalhadores divulgou nota neste domingo (10) em que repudia o crime da Vale em Brumadinho. “O PT manifesta solidariedade às comunidades atingidas pelo crime da mineradora e o reforça seu compromisso na defesa dos direitos do povo brasileiro”, diz a nota do partido.

Confira a íntegra da nota do PT:

O Partido dos Trabalhadores reitera a solidariedade à comunidade de Brumadinho, Minas Gerais, devastada após o rompimento da barragem de rejeitos, três anos após o rompimento da barragem da Samarco (Vale) no município de Mariana.

Cerca de 350 vidas humanas foram perdidas, além dos extensos danos ambientais e às comunidades indígenas, quilombolas e produtoras da região. Esses são os resultados do novo crime cometido neste ano pela segunda maior mineradora do mundo, privatizada no governo do PSDB a Vale.

O que fica explícito nestes dois eventos é que não foi um acidente da natureza ou um desastre. Foi, sem dúvida, uma negligência criminosa da empresa. Não existe falta de tecnologia. A tragédia foi, na realidade, fruto de decisões políticas e econômicas.

As estruturas das barragens rompidas não eram consideradas seguras. Elas são as mais baratas para a Vale. Trata-se do método de construção dentro do processo a montante, cujos diques de alteamento são apoiados nos próprios rejeitos, previamente, depositados no reservatório. A Vale já sabia das resoluções dos órgãos ambientais que estas barragens deveriam ser descomissionadas e que deveriam migrar para tecnologia alternativa visando à descaracterização do barramento.

Outro fator criminoso foi o fato de serem construídas estruturas administrativas, inclusive o refeitório, em uma área considerada de alagamento caso houvesse rompimento da barragem. Houve o rompimento, o alagamento, e ali se perderam a maior parte das vítimas.

Foi, sem dúvida, negligência criminosa e a Vale tem que ser responsabilizada pela tragédia que se abateu sobre a comunidade de Brumadinho e adjacências. É inadmissível que a responsabilidade recaia sobre os trabalhadores e prestadores de serviços da empresa. A Vale tem tentando estabelecer responsabilizações individuais aos trabalhadores da empresa. Mais uma vez, a Vale tenta se isentar de sua responsabilidade criminosa.

O Partido dos Trabalhadores manifesta solidariedade às comunidades atingidas pelo crime da mineradora e o reforça seu compromisso na defesa dos direitos do povo brasileiro.

Comissão Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores

Comentários encerrados.