Por Esmael Morais

Carlos Bolsonaro escalado pelo governo para divulgar ‘fake news’ em defesa do desmonte da Previdência

Publicado em 26/02/2019


O governo convocou os serviços de Carlos Bolsonaro para divulgar mentiras na Internet em defesa da “reforma” da Previdência.

Na guerra da comunicação, o presidente contará com a assessoria de um de seus filhos, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), que reapareceu na sede do governo. Segundo relatos feito à Folha, nesta segunda-feira (25), ele se reuniu com o secretário de Comunicação Social, Floriano Barbosa, um dos responsáveis pelo plano nas redes sociais.

Antes de ir ao Planalto, Carlos foi também ao Ministério da Economia, pasta comandada por Paulo Guedes. Lá, o vereador esteve na Secretaria da Previdência, onde fica o corpo técnico que cuida da proposta enviada ao Congresso. O encontro ocorreu no mesmo dia em que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu que o novo governo melhore sua capacidade de comunicação. “A questão da comunicação é decisiva. Não tem como ir para o enfrentamento de um tema tão sensível como esse sem ter a capacidade de explicar de forma muito clara para o cidadão o que estamos fazendo, qual o objetivo da reforma”, disse ele, em evento promovido pela Folha.

Nesta manhã, o vereador publicou, em sua conta no Twitter, pronunciamento feito pelo presidente, na semana passada, sobre a reforma previdenciária. “Assista aqui, tire muitas dúvidas e desminta muitas desinformações divulgadas propositalmente”, escreveu.

*As informações são da Folha de São Paulo