Gisele Bündchen critica política ambiental sem conhecimento de causa, diz ministra da Agricultura

Em entrevista à rádio Jovem Pan nesta segunda-feira (14), a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, também conhecida como “musa do veneno”, afirmou que a modelo Gisele Bündchen deveria ser uma “embaixadora do País” no exterior, divulgando como o Brasil produz com preservação à natureza e não criticar “sem conhecimento de causa”.

LEIA TAMBÉM:
Damares estréia no Twitter: ‘Nenhuma criança mais vai chorar nessa nação’

Tereza criticou na entrevista a atuação de brasileiros que, assim como a modelo, criticam a atuação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) na preservação de suas áreas florestais.

“Na Jovem Pan sinalizei que a Gisele Bündchen podia ser embaixadora do Brasil para mostrar que produzimos alimentos para o mundo preservando a natureza. A modelo vai receber, em breve, convite nosso”, ironizou a ministra no Twitter.

Quando exercia o mandato de deputada federal pelo DEM do Mato Grosso do Sul, a ministra ganhou o apelido de “musa do veneno” na Câmara por sua atuação em defesa da utilização de agrotóxicos no país.

Na entrevista, a ministra também defendeu as pautas ligadas ao agronegócio.

Com informações do Estadão

Comentários encerrados.