“Sem querer”, eleitores tiram Requião do Senado

O Ibope açulou o voto útil contra Beto Richa (PSDB) e, por tabela, induziu o eleitor [sem querer] a tirar Roberto Requião (MDB) do Senado.

Na véspera da eleição, neste sábado (6), o instituto de pesquisa divulgou que Alex Canziani (PTB), tinha 19%; Richa, 21%; Flávio Arns (Rede), 21%; Oriovisto Guimarães (Podemos), 23%; e Requião absoluto com 38%.

O tranking do MDB dava ao ex-governador do PSDB com 6%, conforme o próprio senador Requião anotara em seu Twitter.

O voto útil contra Richa, na verdade, foi um movimento orquestrado pelo Ibope para tirar de Requião a condição de primeiro voto. Portanto, uma evidente fraude.

O Senado da República perderá a partir de 2019 um dos poucos parlamentares nacionalistas.

Os eleitores paranaenses foram enganados, pois foram açulados para tirar Beto Richa, mas acabaram tirando Requião e elegeram “sem querem” para o Senado neste domingo (7) Oriovisto Guimarães (Podemos) e Flávio Arns (Rede).

Oriovisto e Arns foram um acidente.

Comentários encerrados.