Temer ‘bate biela’ na reforma da previdência

Michel Temer (PMDB) foi literalmente nocauteado nesta quarta-feira (13) por seu próprio líder no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), que anunciou o adiamento da votação da reforma da previdência para 2018. Segundo ele, a decisão foi tomada após acordo entre os presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o governo federal.

Entretanto, o governo como um todo “bate biela”. Há ruídos na comunicação dos governistas.

O ministro dos bancos Henrique Meirelles, por exemplo, desautorizou Jucá ao afirmar que o líder do governo no Senado, Romero Jucá, apenas “expressou sua opinião” ao dizer, mais cedo, que a votação da proposta de reforma da Previdência ocorrerá somente em fevereiro do ano que vem.

O presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ) sustenta que a proposta de reforma da Previdência (PEC 287/16) só será pautada em Plenário quando contar com os votos para a aprovação – são necessários pelo menos 308, em dois turnos.

O PT anotou em seu site que o governo perdeu a batalha da previdência, que agora ficou para 2018. Na prática, se não for votada a reforma ainda neste fim de ano, não passa mais a proposta.

“Conseguimos barrar a votação da deforma da Previdência. Agora só em 2018”, comemorou o deputado Enio Verri (PT-PR).

Embora o líder Jucá tenha nocauteado seu governo, o PT comemorado a vitória de uma batalha, Michel Temer vai neste domingo (17) ao programa de Silvio Santos defender o projeto de Reforma da Previdência.

Resumo da ópera: alguém que está querendo enganar alguém com esses “desencontros” governistas, haja vista que o PSDB fechou questão ainda hoje pelo fim das aposentadorias.

11 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Quem apoia corrupto, corrupto é. Somente os filhinhos de papai que vão se dar bem. Nós precisamos barrar essa pouca vergonha e não deixar passar a reforma da previdência. O salário minimo que ganham os aposentados não dá nem para compra remédio. Isso é uma vergonha! Somente os salários deles que sempre aumentam e dos demais nada…
    Se colocar numa peneiro essa cambada de politico não fica um…

  2. Esmael, agora que o Romero Jucá assumiu a presidência da República, será que não dá pra mandar o processo do Temer pra primeira instância?

  3. A reforma da previdência já deveria acontecer no governo FHC, mas nenhum deles tiveram a coragem de faze-la, nem Lula e nem Dilma. Pelos comentários dessa postagem lembro das palavras de Figueiredo: nosso povo não sabe sequer escovar os dentes, quanto mais votar !!!

  4. Depois de bater biela, temer vai bater punheta no programa Silvio o outro santo. houhouhouhou.

  5. Pingback: Blog do Esmael

  6. Os desprezíveis políticos brasileiros não estão nem aí, de que trabalha duramente, esta escória só passa de 4 em 4 anos para receber seu voto e depois traficá-lo para quem der mais! Um band de dejetos que fedem!o

  7. Vamos continuar pressionando os deputados governistas do golpe; não podemos deixar essa maldita reforma passar do jeito que está.

    • Osmar Serraglio ´prometeu processar todos os que foram ao aeroporto de Maringá escrachar os deputados que votam a favor do Temer. Outro que apareceu para pegar o voo foi o Alex Canziani de Londrina. Nishimori e Arruda foram de avião particular.
      Hoje, um companheiro que estava lá no escracho foi intimado. Não vamos dar sossego aos golpistas.

  8. Pelas enormes maldades que o temer e sua equipe tem feito ele vai morrer numa cadeira d e rodas

  9. Eles tem os votos. Não vao querer convulção social. É pra passar no apagar das luzes. É o grande acordo nacional com STF e Tudo… Trabalhadores se espertem.