Gleisi Hoffmann: O Brasil como refém

A senadora Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do PT, denuncia em sua coluna desta segunda-feira (3) que os golpistas, liderados por Michel Temer e Aécio Neves, tomaram o Brasil como refém para tentar escapar e resolver seus problemas criminais. A colunista avalia ser pouco provável que o ilegítimo resista a todas as denúncias de corrupção.

Gleisi critica a ‘instabilidade’ do judiciário que, segundo ela, “a constitucionalidade e legalidade da decisão que reintegrou Aécio Neves ao Senado, foram negadas a outros processados pela Lava Jato.”

O Brasil como refém

Gleisi Hoffmann*

Há pouco mais de um ano, a presidenta Dilma foi afastada temporariamente do cargo e logo depois, definitivamente, pelo impeachment. Os motivos, todos sabemos muito bem, eram completamente sem fundamento. O Tribunal de Contas da União inventou a história das “pedaladas”, que associadas às denúncias de corrupção contra o PT criaram o caldo para afastar a presidenta.

A verdade é que se formou uma coalizão entre os derrotados nas eleições de 2014 e parte dos então aliados do governo. Aécio Neves e Michel Temer à frente. Na retaguarda, quase todos os setores empresariais de peso. Tudo isso com o suporte da grande mídia, que queria tirar o PT do poder sem aguardar a próxima eleição para tentar novamente.

A situação que vivemos hoje, de instabilidade política, jurídica e institucional, além da grave crise econômica, é resultado do método golpista utilizado para tirar Dilma e o PT do poder.

Michel Temer, que surfou a onda do golpe, hoje enfrenta denúncia por corrupção. É o primeiro presidente a ser denunciado no exercício do cargo. O homem que há um ano era apresentado na mídia como o pacificador que colocaria o Brasil nos trilhos mostra-se extremamente agressivo para manter-se no cargo.

Os mesmos parlamentares que votaram festivamente pelo afastamento de Dilma na Câmara dos Deputados, irão votar agora se autorizam ou não, a abertura de processo contra Temer. Será uma prova de coerência.

Acredito que Temer tem de sair do governo. Se tivesse um mínimo de dignidade renunciaria e convocaria eleições, antecipando o pleito de 2018, como sugeriu o presidente Lula. Acho pouco provável que o faça.

Aliás, vivemos uma instabilidade judicial muito grande. A constitucionalidade e legalidade da decisão que reintegrou Aécio Neves ao Senado, foram negadas a outros processados pela Lava Jato. Principalmente aqueles ligados ao Partido dos Trabalhadores.

Temer, entretanto, parece mais interessado em atacar, como fez com o Procurador-Geral da República, do que em se defender. E usar expedientes escusos para manter-se a qualquer custo no poder, mesmo com míseros 7% de aprovação e mais de 80% defendendo sua saída.

Temos ouvido falar em manter o Imposto Sindical em troca de votos de setores ligados a determinadas centrais sindicais, demissões e nomeações na máquina pública para garantir apoios e ameaças veladas de retaliação contra os que vacilarem no apoio.

Enquanto isso, as finanças do governo afundam. Depois de ter o maior déficit em 20 anos, no mês de maio, anunciaram (ou desanunciaram) que não haverá reajuste para o Bolsa-Família, embora até pouco tempo atrás garantissem que o orçamento para isso já estava assegurado. A Polícia Federal parou a emissão de passaportes por falta de orçamento. Aí o governo manda um projeto tirando recursos da Educação para resolver o problema dos passaportes. Mas não deixa de aumentar verbas para a publicidade e propaganda.

Mesmo resistindo agora, ele enfrentará pelo menos mais duas denúncias. Acho pouco provável que resista a todas! É apenas o começo. Ele acabará afastado. O problema é o mal que pode causar antes disso e, depois, o governo que se instalará no Planalto, novamente sem voto, sem legitimidade, comprometido até a medula com os interesses neoliberais.

Essa gente, que tem compromisso apenas consigo mesma, está usando a estratégia de tomar o Brasil como refém para tentar escapar e resolver seus problemas! Não podemos deixar isso acontecer!

16 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Mortadelas sem moral alguma para apontar o dedo…

  2. Verdade! O Brasil foi refém principalmente dos corruptos do PT durante pelo menos 13 longos anos.

    Deixa de hipocrisia senadora, toma vergonha nessa cara deslavada e plastificada. Só trouxa e desinformado acredita que só agora o país veio a baixo. bando de incompetentes e ladrões. Mas acabou, 2018 está aí para que nos livremos de uma vez por toda dessa gente falsa e criminosa.

    Apoio total a Operação Lava Jato.

    • Bem característico senhor FAKE Apartidário , vomitar um montão de merda sem esta embasado em nada. A lava jato não sei se você sabe foi a forma encontrada para afastar um mito. O exemplo está aí a mais de tres anos procurando o unico risco de desvio para prender o homem, pois sabe se ele entrar na eleição de 2018 , não tem pra minguem. Enquanto a esquerda tem uma historia de conquista e construção a direita e o centro tem o nome de suas principais figuras como traidores da patria e traficantes. O PMDB quebrou o Brasil por duas vezes e com um golpe, são tres. É triste querer mudança e escolher o que existe de pior na politica nacional, assassinos latifundiarios, grandes fornecedores de drogas e anti patriotas que troca a riqueza do país por uma bosta de um apartamento em Paris.

  3. A miss ptrolao rainha dos velhinhos aposentados.

  4. A melhor parte de tudo o que está acontecendo no país é que TODOS estão vendo claramente como agem os TUCANOS

  5. A melhor parte de tudo o que está acontecendo no país é que TODOS estão vendo claramente como agem os TUCANOS

  6. Qual a moral dessa mediocre senadora?

  7. É triste mais é verdade ,psdb são uns

  8. É triste mais é verdade ,psdb são uns

  9. O povo Senadora, não se deixa mais enganar, o jogo pelo poder a qualquer preço, agravado pela conivência do Judiciário têm colocado na forca Democracia, ética. É estarrecedor.

  10. Realmente, Senadora, acho que estamos vivendo sob a maldição pelo afastamento de uma presidente a qual não merecia tal. Ainda, pela manhã, assisti a reportagem de um deputado, pmdb, cumprindo pena no presidio em Brasilia ao qual foi concedido o direito de continuar a trabalhar no congresso. Em se tratando, na atual conjectura brasileira, passa até mesmo ser “normal”!!! Onde chegamos eh Senadora!!!

    • Não obstante, tal e qual uma pessoa honesta e ilibada, vitima de um golpe, do golpismo temerista e temerário, doravante chamado golpe porco, do PIG e dos psdbistas do demo. Tenho dito e me manifesto com a clareza cristalina e límpida de um rio, doravante chamada transparência.

  11. Uma grande parcela do povo brasileiro deixou contaminar pela direita achando que empresários seria a salvação do Brasil (políticos-empresários), quando na verdade os apontamentos pela (PF) os cidadãos que cometem atos ilícitos e os mais endinheirados famintos pelo poder para se blindar cada vez mais lamentável mas estes brasileiros estão redondamente enganados com esta “elite podre”. Aproveito para parabenizar os governos de esquerda que fizeram mais pelos brasileiros em 13 (treze) anos que a elite em todos anos anteriores.