Por Esmael Morais

Moro não é imparcial nem aqui nem na China

Publicado em 07/12/2016

Nem aqui nem na China, caro deputado. Moro é um juiz parcial, sim.

Em festa da IstoÉ denominada premiação “Brasileiro do Ano 2016”, o juiz Sérgio Moro confraternizou com o amigo e senador Aécio Neves (PSDB) mesmo ele sendo o político mais citado nas delações da Lava Jato.

Pimenta recordou que nesta terça (6), antes mesmo do evento da revista, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva acusou o juiz Sérgio Moro de ser um militante do PSDB.

É preciso desenhar?

Quanto à premiação, bem, isto é chamar os brasileiros de trouxas.

O ilegítimo Michel Temer (PMDB) recebeu o prêmio de “Brasileiro do Ano de 2016” talvez pelo aprofundamento da crise econômica e política, amplificar a corrupção, retirar direitos como o da aposentadoria…

Já o juiz Sérgio Moro possivelmente foi agraciado com a comenda por desempregar quase dois milhões de pais de família e pela “preservação de tucanos” que seletivamente promove.

A Lava Jato é só marketing e sacanagem contra os adversários do PSDB, mora?