Temer faz corpo a corpo para salvar mandato de seu comparsa Cunha

cunha_temer_renan_golpeO interino Michel Temer (PMDB) utilizar a estrutura de governo para salvar o mandato de seu comparsa Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

O Palácio do Planalto faz corpo a corpo para boicotar a votação de cassação do ex-presidente da Câmara, segundo registro do site chapa-branca O Antagonista.

O site “palaciano” anotou que “[E]missários de Michel Temer têm ligado para deputados tentando convencê-los a não comparecer no julgamento de cassação de Eduardo Cunha, em 12 de setembro”.

“Pelo jeito, a parábola ameaçadora de Eduardo Cunha surtiu efeito no Planalto — aquela dos cinco amigos que faziam tudo juntos; um virou presidente, três se tornaram ministros e um foi abandonado…”, continuou o blog que age como porta-voz informal de Temer.

Não é demais recordar que Cunha perdeu a presidência da Câmara por que interferira em seu processo de cassação no Conselho de Ética.

Agora a pergunta que não quer calar: pode Temer interferir no plenário do Legislativo e sair incólume, isto é, permanecer no cargo de presidente interino?

O projeto dos golpistas prevê o impeachment de Dilma Rousseff no final deste mês, no Senado, e a absolvição de Cunha no começo de setembro, na Câmara.

Comentários encerrados.