“Serão três anos de pancadaria, mas eu vou sobreviver”, garante Lula

da Agência PT

Ex-presidente Lula participa de reunião do Diretório Nacional do PT, em Brasília. Foto: Lula Marques/Agência PT.

Ex-presidente Lula participa de reunião do Diretório Nacional do PT, em Brasília. Foto: Lula Marques/Agência PT.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva garantiu, nesta quinta-feira (29), durante reunião do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores, que vai sobreviver à campanha de criminalização e de ódio promovida contra ele.

“Serão três anos de pancadaria, mas eu vou sobreviver”, garantiu.

“Tem uma coisa que aprendi: enfrentar a diversidade. Podem ficar certos: eu vou sobreviver. E eles, terão a credibilidade que imaginam?”, questionou o ex-presidente, sobre a oposição e parte da grande mídia.

Ao chegar ao local da reunião, em Brasília (DF), Lula foi ovacionado pelos petistas. “Lula, guerreiro, do povo brasileiro”, gritaram os presentes.

Em seguida, os participantes da reunião cantaram parabéns para o ex-presidente, que completou 70 anos na última terça-feira (27).

Além de Lula, participam do encontro o presidente Nacional do PT, Rui Falcão; os governadores Wellington Dias (PI) e Tião Viana (AC); o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE); o líder do PT no Senado, Humberto Costa (CE); o líder do PT na Câmara, Sibá Machado, entre outros.

Logo no início da reunião do Diretório Nacional, o PT fez uma homenagem ao ex-presidente da sigla e ex-presidente da Petrobras José Eduardo Dutra, que morreu no dia 4 de outubro deste ano. Como parte da homenagem, Rui Falcão pediu um minuto de silêncio aos que estavam no local.

“Zé Eduardo era um homem que não flertava com as elites, mas era um homem amplo de grandes debates políticos. Sou testemunha do grande líder que ele foi para esse partido”, disse o Secretário de Finanças do PT, Márcio Macêdo.

Assista:

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. É isso aí, a direita já dominou o judiciário e tem militantes na PF… Lula 2018!