Por Esmael Morais

Trabalhadores da construção civil lembram histórica 1!ª greve após golpe militar de 1964

Publicado em 30/04/2013

Movimento grevista de 1979 desafiou o regime fardado em Curitiba.

Movimento grevista de 1979 desafiou o regime fardado em Curitiba.

Um ato político lembrará no próximo dia 16 de maio, em Curitiba, a histórica greve dos trabalhadores da construção civil da capital. Ocorrida em 1979, quando o país ainda vivia sob ditadura milita, a grevedurou mais de 20 dias e foi a primeira grande mobilização operária no Paraná após o golpe de 1964.

O evento ocorre no momento em que a Comissão Nacional da Verdade constitui, com a participação de todas as centrais sindicais, um grupo de trabalho para investigar especificamente a repressão aos trabalhadores.

O ato pretende abordar a greve sob a ótica dos trabalhadores que a lideraram. Organizado pelo ativista Milton Alves, um dos coordenadores do Fórum, o evento consistirá em depoimentos dessas lideranças, incluindo alguns atuais diretores do Sindicato, além de assessores e advogados dos grevistas. No local, será montada uma exposição com fotos do movimento. Os depoimentos serão gravados e transformados em livro.

“O Fórum Paranaense de Resgate da Verdade, Memória e Justiça não poderia deixar de apoiar a iniciativa, por entender que o registro das lutas operárias é uma parte essencial da memória histórica que pretendemos recuperar”, disse Alves.

Serviço:
Local: Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil
Dia: 16 de maio de 2013
Endereço: rua Mateus Leme, 324
Horário: 14 horas.