Consórcio demo-petista se levanta contra Richa em Campo Magro (PR)

* Moradores programam marcha na terça contra o tucano

A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, avança na região metropolitana de Curitiba com alianças políticas heterodoxas. Na imagem, ela está entre a vereadora Cristina Balestra (PT) e o prefeito Louvanir Menegusso (DEM).

A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, avança na região metropolitana de Curitiba com alianças políticas heterodoxas. Na imagem, ela está entre a vereadora Cristina Balestra (PT) e o prefeito Louvanir Menegusso (DEM).

Campo Magro é um simpático e pequeno município da região metropolitana de Curitiba, que tem 30 mil habitantes e vive basicamente da agricultura familiar, do artesanato e do turismo rural. Por restrições ambientais, não pode se industrializar porque está localizado em área de manancial. Faz divisa com o do badalado bairro gastronômico de Santa Felicidade, segundo polo turístico do Paraná, conhecido no mundo inteiro.

O que poucos sabem é que a cidade de Campo Magro, localizado a 10 km ao norte da capital paranaense, é admininstrada pelo consórcio demo-petista. Nas eleições de 2012, foi eleito o prefeito Louvanir Menegusso, do DEM, com o apoio do PT. Os petistas comandam a Câmara do município e têm secretarias e cargos estratégicos na prefeitura.

Dito isto, informo ao leitor que a cidade de Campo Magro, instigada pelo consórcio demo-petista, prepara um levante contra o governo de Beto Richa (PSDB), na próxima terça-feira (19), porque o tucano reserva ao futuro dos campomagrenses uma nova peniteciária agrícola para mil detentos.

Este blog informou, em primeira mão, no último dia 6 de março, que o projeto do novo presídio já está nas mãos do Departamento Penitenciário do Governo do Paraná, segundo uma fonte no Palácio Iguaçu.

A prefeitura e a Câmara de Campo Magro querem colocar mais mil pessoas em uma audiência pública, que será realizada na Igreja Matriz, para dizer não! à  construção do presídio em regime semiaberto!.

O termo para a cessão ao governo do estado de uma fazenda de 40 alqueires, no centro de Campo Magro, que pertence à  Fundação da Ação Social (FAS), da capital, foi assinado em 27 de dezembro de 2012, no apagar das luzes da gestão do prefeito Luciano Ducci (PSB). A área será destinada ao presídio semiaberto.

A vereadora Cristina Balestra, do PT, acusa o governo tucano de antidemocrático e unilateral!, pois não abriu diálogo com os poderes executivo e legislativo locais. Segundo a petista, nos últimos dois anos de gestão Beto Richa, Campo Magro não recebeu nenhum investimento e agora quer empurrar-nos, goela-abaixo, um presídio para nos trazer insegurança?!, indigna-se.

Não desejamos a penitenciária nem para nós, nem para Santa Felicidade!, diz a secretário do Planejamento, Thaiza Campestrini.

14 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to mention I am new to weblog and honestly enjoyed your blog site. Most likely I’m likely to bookmark your blog post . You surely have amazing articles and reviews. With thanks for sharing your web-site.

  2. Para se fazer um loteamento em campo Magro, é mais difícil que achar diamentes no Rio Conceição, agora para se colocar um presídio em Campo Magro é fácil! Me poupem, presídio tinha que ser colocado numa ilha!

  3. É obvio que não queremos um presidio em Campo Magro, a cidade é tranquila, porém nós moradores sabemos da insegurança em que vivemos por falta de policiamento na região. Coisas ruims querem empurrar pra nós, mas planejar melhores condições de vida, de transporte, estradas e etc nao fazem.

    • Campo Magro apesar de fazer divisa com Curitiba é uma Cidade onde o progresso ainda não chegou. Para que a Cidade se desenvolva os Prefeitos tem que olhar para toda a Cidade e não só para os Bairros Boa Vista (I, II, III, IV, etc). Tem que lutar para a duplicação da PR 090 Estrada do Cerne, que está um verdadeiro queijo suiço e asfaltar a estrada da Conceição. Na zona rural de Campo Magro muitas residências ainda não são servidas de energia elétrica e telefone, especialmente celular, então nem pensar porque o sinal não chega.

  4. Para acabar com a polemica do presidio eu sugiro cercar com uma muralha a praça principal do centro cívico, assim de uma vez por toda na historia a gente já dava um golpe certeiro na bandidagem.

  5. Esmael, na boa, quando vi vc defendendo o Campana no seu blogue (https://www.esmaelmorais.com.br/2013/03/fabio-campana-relata-dia-de-cao/) não acreditei. Vc acha que se o beto te censurar ele vai retribuir a solidariedade? Duvido.

    • Ele não defendeu o Campana, colocou ele na linha de tiro, é só olhar os comentários…É que na blogo dele, ele só aprovou os comentários que o adulavam, do povo puxa-saco.

  6. E vão por os presídios aonde? No centro de Curitiba, na praça Rui Barbosa?
    O único lugar que não incomodaria ninguém seria na Antardida…
    A Gleisi deveria sugerir algo e não por lenha na fogueira, nesse caso essa atitude não cabe.

  7. presidio agricola, alem do simpatico municipio de campo magro, as outras opcao seriam o parque tangua e o parque barigui.
    porem com o barulho das garcas e dos quero quero, nao tem jeito.
    sera campo magro, la e so barulho das aguas.
    e aproveitar esta turma pra plantar batata.
    ja que a terra la e boa.

  8. Divulgue o seu endereço aqui que nos vamos sugerir para o Beto Intriga construir uma penitenciaria ao lado da sua casa, o que vocês não percebe e que ele esta fazendo vingança com o Prefeito e vice Prefeito de Campo Magro, o HOMI e campeão nesse tipo de coisa, a sorte que cada vingança dele e como fosse uma cuspida pra cima, cai na própria cara. Uma penitenciaria praticamente dentro de Santa Felicidade, fala serio….

    PIMENTA NO FIOFÓ DOS OUTROS E REFRESCO!!!

  9. Penitenciária ninguem quer perto, Reclamam que é preciso construir novas penintenciária, Entao o Governo atende esse pedido, e ao fazer isso…. Não querem, aqui e acolá. Fizeram aquela de Seg Maxima em Cataduvas, ninguem queria, construiram, e até agora não houve problemas de segurança ao municipio. é sempre assim, reclamam que precisa construir mais penitenciarias, vem o Governo e atende, Vamos Construir… e ai não querem. Vá se entender isso!!!!!! mostram na TV cadeias superlotadas e reclamam, isso é um absurdo, Vem o Estado ou a Uniao e decidem construir penitenciaria, para esvaziar as cadeias, ai reclamam que nao querem. é muita demagogia.

    • será que porque né?
      o que queremos é que o governo trabalhe com ações preventivas, com mais segurança, aí as penitenciarias ja construidas seriam suficientes.

  10. O louco, ate os demos se revoltando contra o Beto, se já não bastasse a Gazeta do Povo, mais essa ainda, kkkkkkkkkkkkkk. Ta feia a coisa tucanada, a derrota amarga está perto de acontecer e será em 2014.

  11. esmael desculpe essas criticas que eu faço , teu blog é bom sem duvida, tem bastante informaçao, talves eu esteja errado, mais voce pega bastante no pé do governador, eu acho que voce tem direito, só eu acho errado como voce esta fazendo com a ministra, ela fes e fas muitas besteira e voce nao fala nada,entao seja justos com os dois.