NET Vírtua não funciona. A Anatel também não funciona. E agora?

Bilionário Carlos Slim, dono da Net Vírtua, da Claro e da Embratel.

Bilionário Carlos Slim, dono da Net Vírtua, da Claro e da Embratel.

Cliente da NET Vírtua, de Curitiba, reclama que há mais de um mês está com problemas na conexão na internet. Reclamou dezenas de vezes à  empresa, que torceu o nariz. Sempre alegou que era uma “deficiência na rede” e que seria normalizada nas próximas horas.

O usuário, que tem a fatura debitada automaticamente em sua conta bancária, se encheu com a NET Vírtua, que, com certeza, vendeu mais que a capacidade de investimento em infraestrutura. Ou seja, está aplicando “171” nos otários da praça.

O serviço deplorável da NET Vírtua, cujo proprietário é o bilionário mexicano Carlos Slim, também é verificado em São Paulo (leia matéria sobre isso no site Brasil 247). O homem mais rico do mundo enriqueceu cobrando pelos serviços que não entrega aos clientes? à‰ o que dá a entender.

Depois da décima reclamação no mês de janeiro, o “anta” que é cliente da NET Vírtua começou a anotar os protocolos: 884.13056615208.4, de 29/01 à s 10h41; 884.13056697931.2, de 30/01 à s 15h28; e 884.13056810560.1, de 01/02 à s 9h52. Como não viu solução à  vista, o “animal” desistiu de reclamar à  “Central de Relacionamentos NET” pelo número 106 21.

Então, o “quadrúpede” partiu para cima da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O órgão teria a tarefa de fiscalizar as concessões, inclusive a internet. Para seu azar, ninguém atende o número “1331”. Só dá ocupado (faça o download do áudio).

Ouça o “tun tun tun” de ocupado da Anatel:
[audio:http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2013/02/Gravação.mp3]

Comentários encerrados.