Charge do dia: A insaciável fome do jornal Gazeta do Povo, segundo o deputado Fábio Camargo

Charge de Benett - Gazeta do Povo (PR).

Charge de Benett – Gazeta do Povo (PR).

6 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. IGUAL O CADEIA
    As estórias deste de-puta-do está muito parecida com as estórias do então Alborguete (vulgo Cadeia) e do proprio Rato Pai nos programas de tv e rádios que apresentavm.
    Diziam que iriam “fazer e acontecer”, que no dia seguinte iriam dar nome de “tubarões”, de “grandões”, de grandes falcatruas. Inexplcavelmente algo ocorria entre o termino de um programa e o inicio de outro, no dia seguinte. Fato é que nada era apresentado e ficva o dito pelo não dito.

    A quanto$ nunca $e $oube, nem $aberão agora.

  2. o fabio fala com documentos na mão,denunciar a gazeta por denuciar ,ninguem faz isso!

  3. Estou muito longe de ser eleitor de Fábio Camargo, mas nesta questão específica, LHE ASSISTE TOTAL RAZÃO.

    Infelizmente o grupo da Gazeta do Povo, em diversas oportunidades se demonstrou absurdamente parcial, buscando de forma sórdida o hediondo monopólio escrito da opinião pública no Paraná.

    ESTA INVESTIGAÇÃO PRECISA GANHAR FORÇA.

    Blogs como o do Esmael e o do Fábio Campana (sempre acreditei que um “completa” o outro – ao provocar a necessária e diária reflexão no eleitor das mais variadas correntes ideológicas), são verdadeiras TRINCHEIRAS de resistência à pressão editorial do “grande” grupo que se tornou a Gazeta, RPC e demais segmentos da mesma estirpe…

  4. Fábio vc aponta e nunca atira o teu eleitor gostaria muito que vc escancarasse as falcatrua da GAZETA DO POVO, e se vc não tem telhado de vidro MANDA BALA.
    Nesta publicação em um blogue ele fez a visada nos alvo e não efetuou o DISPARO… da pra acreditar Nele????

    O presidente da CPI das Falências, deputado Fábio Camargo (PTB), admitiu que recebeu uma oferta milionária, entre dez e vinte milhões, e até ameaças por causa das investigações. Em entrevista a Joice Hasselmann nesta segunda-feira, o deputado anunciou ainda, em primeira mão, que está de saída do PTB para se filiar ao PSD. Ele tem interesse em disputar a Prefeitura de Curitiba. Camargo deu detalhes dos bastidores da CPI e do esquema de fraudes em falências no Estado, que segundo ele envolve três juízes e atinge 15 bilhões de reais. Camargo nega que a instalação da CPI seja uma briga pessoal com as famílias dos juízes denunciados: Anderson Ricardo Fogaça, Marcel Rotoli de Macedo e Augusto Gluskcak Júnior. O deputado conta que tentou instaurar a comissão antes, mas não conseguiu. 05.02-OLHO-FABIO-1.mp3
    Download
    0:00
    Ele diz ter provas de tudo o que fala e conta que recebeu uma oferta de dinheiro.
    O deputado afirma que não gravou a conversa porque é contra gravações. 05.02-OLHO-FABIO-2.mp3
    Download
    0:00
    Sobre o “caso pianista”, Camargo garante que pediu uma apuração, que não ocorreu. Ele estava em Maringá no dia 22 de março quando a presença dele foi registrada no plenário da Casa. 05.02-OLHO-FABIO-3.mp3
    Download
    0:00
    O petebista foi questionado ainda sobre o aumento do patrimônio dele, que dobrou. Ele explica que é por causa da herança que a mãe deixou. 05.02-OLHO-FABIO-4.mp3 Em breve, ele pretende sair dos holofotes e cuidar da saúde. 05.02-OLHO-FABIO-5.mp3
    Download
    0:00
    Fábio Camargo adiantou ainda que, na quarta-feira, deve encaminhar à Justiça o recurso para reabrir a CPI das Falências, suspensa a pedido da Associação dos Magistrados do Paraná a cerca de duas semanas. Sobre a disputa pela prefeitura de Curitiba, ele preferiu não dizer se prefere o prefeito Luciano Ducci ou o tucano Gustavo Fruet.

    Escritosegunda-feira, 02 de maio de 2011 @ 2:30 PM
    Arquivado na categoria: Geral, Olho no Olho da JOICE

  5. DO MEIO

    O porquinho do meio é o próprio Deputadozinho Fábio Camargo Simões Vieira justus?

  6. O BETO RICHA DÁ NOSSO SUADO DINHEIRO PAGO EM IMPOSTO EM “PUBLICIDADE” E TENDO ESCOLAS CAINDO O TETO.