Onda de terror chega à  pacata Califórnia, no Paraná. Prefeita eleita é alvo de atentado; veja o vídeo


via TN Online

A professora, presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e prefeita eleita no último pleito em Califórnia, Ana Lúcia Mazeto Gomes (PSDB), foi alvo de um atentado a tiros por volta das 21h30 da noite de quinta-feira (22).

Segundo a Polícia Militar (PM), a prefeita estava na igreja quando recebeu um telefonema e foi para a sede Apae, na Avenida Getúlio Vargas, participar de um cerimônia de casamento no salão de festas da entidade, situado no centro da cidade. No que ela estava chegando no corredor, uma pessoa a chamou e no que ela olhou, um homem sacou uma pistola e efetuou vários disparos de arma de fogo na direção do salão, mas errou o alvo e Ana Lúcia não ficou ferida.

“Ela nos contou que um homem em uma moto gritou de longe: ‘Ana, você é a prefeita?’ e quando ela respondeu afirmativamente o criminoso começou a atirar”, relatou o soldado Janir Peçanha, do Copom do 10!ºBPM de Apucarana. O atirador fugiu de moto e a polícia acredita que um carro lhe dava cobertura.

Policiais apuraram que foram disparados pelo menos 15 tiros de pistola nove milímetros contra a prefeita eleita. Eles recolheram os estojos de projéteis deflagrados. Os tiros acertaram a parede, o teto e um projétil quebrou uma porta de blindex e uma taça. A PM apurou que o atirador é um homem baixo que trajava roupas escuras e estava em uma motocicleta vermelha.

Policiais realizaram diligências em toda a região, mas o bandido não foi encontrado.

“Nós já temos algumas informações, inclusive a identificação do último telefonema que ela recebeu”, frisa o delegado Antônio Sílvio Cardoso, que disse já ter dado início à s investigações.

Ana Mazeto foi eleita com 2.865 votos (50% dos votos válidos na cidade). Para o marido de Ana Lúcia, que pediu para não ter o nome divulgado, a represália teria motivação política.

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Como diria o “grande” jornalista seguidor do bispo Edir Macedão… “A culpa com certeza é do PIG”!

  2. o ministerio publico tem a culpa disso. eles não enxergam a força paralela que existe .o estado esta falindo cada vez mis .a policia perdeu a legitimidade de agir .a grande emprensa surra a policia todos os dias.imagens de celulares deveriam ser vistas com mais cautela.que atras da camara pode alguem mal intencionado estar filmando ação da policia.outros provocam sabendo que a imagem garante a impunidade ,e punidade pelo deslize da policia .eu não sou contra o bom uso das camaras!

  3. Alagoas é aqui!!!