Barbosa Neto vai ficar “neutro” no segundo turno de Londrina

Barbosa Neto.
O Diretório Municipal do Partido Democrático Trabalhista (PDT) decidiu pela neutralidade e não apoiará nenhum candidato na disputa do segundo turno da eleição para a Prefeitura de Londrina.

A decisão foi tomada por unanimidade, em uma reunião, realizada ontem (dia 10), no início da noite, que reuniu mais de 100 pedetistas, entre eles Barbosa Neto, que foi reconduzido a presidência da sigla; professor Carlos Bordin, candidato a vice-prefeito na chapa com Barbosa; Gaúcho Tamarrado, eleito vereador no último domingo; candidatos a vereador , entre outros militantes.

Conforme o presidente municipal do PDT, Barbosa Neto, nenhum dos dois candidatos representam os ideários do Trabalhismo e tão pouco estão comprometidos com as conquistas que a população de Londrina obteve no mandato de Barbosa. Eles representam projetos antagônicos ao nosso!, defendeu Barbosa.

A reunião decidiu também que nenhuma pessoa está autorizada a falar em nome do PDT e que ninguém pode usar o nome do partido. A reunião, por unanimidade, decidiu também que nenhum filiado ao PDT está autorizado a fazer manifestação pública a favor de um ou outro candidato!, afirmou o presidente.

Os filiados devem respeitar as decisões da reunião que estão respaldadas no artigo 12 do Estatuto Nacional do PDT, que diz que o PDT guia-se pelo princípio da unidade da ação e do trabalho coletivo, sendo estranhos ao caráter do partido à  subestimação das opiniões dos militantes e o trabalho individualista!.

De acordo com Barbosa Neto, aqueles que contrariarem esta decisão e o estatuto serão submetidos as comissões disciplinares do PDT e poderão até serem expulsos do partido.

Comments are closed.