Cinco planejam tomar a presidência do PMDB do Paraná

* Requião, Nereu, Romanelli, Pessuti e Arruda estão de olho na presidência do diretório estadual

Peemedebistas se digladiam nos bastidores pelo comando do partido.

Em dezembro, após as eleições municipais, o diretório estadual do PMDB do Paraná vai à  convenção para definir seu próximo presidente.

A agremiação é presidida hoje pelo deputado estadual Waldyr Pugliesi, que tenta eleger-se prefeito de Arapongas, município no Norte do estado.

Cinco peemedebistas querem comandar a sigla. A saber: 1- o senador Roberto Requião, 2- o ex-governador Orlando Pessuti, 3- o deputado federal João Arruda, 4- o deputado Nereu Moura e 5- o secretário do Trabalho Luiz Cláudio Romanelli.

Nesse intrincado jogo pelo poder dentro do PMDB, há a ala liderada pela bancada estadual na Assembleia que quer manter relacionamento carnal com o governador Beto Richa (PSDB); outra — capitaneadas por Requião, Pessuti e Arruda — prega oposição ao tucano.

2 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Para começar se o Pessutão gostasse do PMDB , não mandaria seus filhos se filiarem em outro partido, o Romanelli não tem partido tem sim interesses pessoais como puxar o saco do Betinho Boy e arrumar a vida, o Nereu Moura esse por amor de Deus so sabe empregar fantasmas e arrumar cargão para a mulher, então sobra o Arruda e o Requião o resto somente usa o PMDB para seus interesses pessoais.,

  2. Esmael, falando em PMDB, vc não tem nenhuma notícia sobre aquelas denuncias do dep. Kleiton Kielse sobre o pedágio?