Gustavo Fruet coleciona vitórias no ‘front’ jurídico

Fruet toma um ‘mate’ na Praça Santos Andrade. Foto: Anderson Tozato/O Estado.

A campanha de Gustavo Fruet (PDT) rumo à  prefeitura de Curitiba vem colecionando importantes vitórias na frente jurídica. Hoje, por exemplo, o pedetista se livrou de uma multa de R$ 15 mil por suposta campanha extemporânea no Facebook.

Coube ao jurista e professor Luiz Fernando Pereira, o Pereirinha, coordenador jurídico de Fruet, a tarefa de convencer o juiz Fernando Morais, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), da legalidade das atividades do candidato do PDT na internet.

“A nova decisão só confirma a legalidade das participações de Fruet nas redes sociais. Essa foi a terceira tentativa frustrada dos adversários de multar ou censurar Fruet”, disse Pereirinha.

O TRE já havia rejeitado outras duas ações do PRP, que pedia a condenação de Fruet por suposto uso da internet em campanha antecipada.

Simpatizantes de Fruet criaram na rede social um grupo intitulado Eu voto no Gustavo Fruet!.

Além da página no Facebook, o TRE considerou legal o site www.raioxcuritiba.com.br !“ criado pela equipe de Fruet para receber sugestões e reclamações sobre a cidade.

Estas ações foram assinadas pelo presidente estadual do PRP, Jorge Martins, que desde fevereiro de 2011 ocupa cargo comissionado no time do prefeito Luciano Ducci.

Recentemente, Martins foi promovido a secretário de Relações Institucionais, em substituição a Hélio Wirbiski (PPS), que deixou o cargo para disputar cadeira na Câmara.

Comentários encerrados.