Olha essa: Mídia marca o julgamento do mensalão no STF

* Se a Suprema Corte acatar a ordem da velha mídia, julgamento coincidirá com as eleições municipais

Ministro Ricardo Lewandowski.

A velha e cansada mídia decidiu hoje que o Supremo Tribunal Federal (STF) deve iniciar o julgamento do mensalão petista — como gosta de chamar — no dia 1!º de agosto.

Se a Suprema Corte afrouxar, a data praticamente coincidirá com o início da campanha no horário eleitoral gratuito.

Para que o cronograma dê certo, registra a grande mídia, é preciso que haja uma combinação com os russos. No caso, o ministro Ricardo Lewandowski, revisor do caso, que precisa terminar seu voto ainda neste mês.

Pelo script e torcida da mídia, a partir do dia 15 de agosto, as sessões ocorrerão três vezes por semana. A sede pela cobertura em tempo real é grande.

A propaganda eleitoral na tevê começará no dia 17 de agosto, ou seja, a repercussão das sessões do STF concorrerá diretamente com os candidatos, sobretudo com os do PT.

A confirmação do julgamento do mensalão é tudo que velha mídia deseja neste momento, pois a tiraria do foco da CPI do Cachoeira. Lá, a revista Veja pode ser levada ao banco de réus por espionagem e associação ao crime organizado.

Portanto, velha mídia, toda a pressão no Lewandowski é pouca!

Comentários encerrados.