O bicho está pegando no PT para a escolha do vice de Fruet

Roseli Isidoro. Foto: Gilson Camargo.

O clima está para lá de tenso no PT, que se debruça sobre o imbróglio do vice de Gustavo Fruet, do PDT.

O deputado federal à‚ngelo Vanhoni, alçado à  condição de bombeiro no partido, disse ao blog nesta segunda-feira (11) que está prevista uma nova rodada entre os pré-candidatos a vice na quinta (14), mas, se não houver consenso, a escolha do nome poderá ir a voto em encontro municipal no próximo sábado (16).

Estão de olho na vice de Fruet os seguintes petistas: vereador Pedro Paulo e a presidenta do partido, Roseli Isidoro; Roni Barbosa, presidente da CUT e Miriam Gonçalves.

O blog apurou que Pedro Paulo tem a simpatia de 60% dos militantes na corrente CNB (Construindo um Novo Brasil). Os ministros Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann pertencem ao grupo.

O diabo é que Roseli também faz parte do CNB e, segundo levantamento informal, conta com a simpatia de 30% na corrente. A presidenta do partido tem a preferência dos ministros, o que a faz favorita.

Comendo pelas bordas, a advogada Miriam Gonçalves possuiu 10% da simpatia da CNB e é apoiada pelos deputados Dr. Rosinha e Tadeu Veneri, ambos fizeram 45% mo último encontro de tática eleitoral em meados de abril.

Ou seja, se a CNB apresentar dois nomes e a escolha desembocar no voto, muito provavelmente, Miriam leva vantagem nessa disputa.

Vanhoni descarta por completo a possibilidade de disputar a vice.

Comentários encerrados.