Servidores da Secretaria da Agricultura entram em greve na quarta

Os servidores da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (SEAB), que não foram vinculados à  ADAPAR (Agência de Defesa Agropecuária), param na próxima quarta-feira (16). A informação é do sindicato da categoria, o SindiSeab.

O objetivo é reivindicar pressa na criação de uma gratificação que garanta isonomia salarial para os cerca de 290 servidores da pasta, ou seja, o mesmo benefício e a mesma remuneração que os 640 colegas do Departamento de Fiscalização (DEFIS) passaram a receber.

Segundo o SindiSeab, a direção da Secretaria da Agricultura havia prometido as gratificações em junho de 2011.

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. A direção da SEAB iniciou uma postura intimidatória a Paralisação do servidores, como segue trecho no e-mail enviado pela direção

    “Não será permitido afixação de cartazes, faixas e assemelhados nas edificações públicas (locais de trabalho), interna ou externamente.
    Pede-se, nas manifestações de qualquer natureza, evitar quaisquer expressões ofensivas às autoridades ou instituições.
    Na remota hipótese de que ocorra algo dessa natureza, os organizadores do movimento serão convidados a darem satisfações.”

  2. Diz o texto acima:

    “Segundo o SindiSeab, a direção da Secretaria da Agricultura havia prometido as gratificações em junho de 2011.”

    E ainda vale acrescentar:

    Quando Secretário Norberto Ortigara (SEAB), em junho de 2011, assumiu o compromisso de conceder uma gratificação aos demais servidores da SEAB, não contemplados com a vinculação à nova ADAPAR, obteve a concordância do governador BETO RICHA !

    Promessa é dívida e compromisso é para ser cumprido !É o que espera-se de todo mundo, porém ainda mais das autoridades públicas.

  3. mais um pepino pro beto lerner.