Por que Gilmar Mendes, do STF, gaguejou ao falar de Lula?

Em entrevista ontem à  noite ao Jornal Nacional, da Rede Globo, o ministro ex-presidente do STF Gilmar Mendes suava e gaguejava ao dar sua versão sobre um suposto pedido do ex-presidente Lula para adiar o julgamento do “mensalão”.

O teor da suposta conversa foi divulgado neste final de semana pela revista Veja. O encontro de fato ocorreu no escritório do ex-ministro da Defesa, Nelson Jobim. Mas, o anfitrião nega que tenha havido qualquer menção ao julgamento do mensalão.

Volto à  vaca fria, ou melhor, à  entrevista no JN. Ao explicar suas relações de amizade e um encontro com o senador Demóstenes Torres (GO) durante uma viagem a Berlim, Mendes cometeu um ato falho que não escapou aos internautas:

“O uso dessa informação por parte do presidente me pareceu absolutamente adequado e revelador de qualquer outra intenção sub-reptícia”, disse o ministro à  TV Globo.

Agora, a pergunta que não quer calar: Por que Gilmar Mendes, do STF, gaguejou tanto ao falar de Lula?

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Caro Esmael;

    Se a suposta “proposta” que o Lula fez para ele é tão grave e abominável, por que o Gilmar imediatamente após este encontro com Lula não levou o ocorrido para seus pares no STF??? Deixou para fazê-lo através da imprensa um mês após.
    Para mim é uma questão básica que cada um dos ministros do STF deveriam se questionar.

    E ainda dois ministros do STF ávidos por holofonte jogam lenha na fogueira, é muita falta de vergonha na cara.

    Basta deste judiciário corrupto, hipócrita e sem vergonha.

    José Tadeu