Selvageria da PM tucana na desocupação de terreno em São Paulo; veja o vídeo

Com autorização do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), a tropa de choque da Polícia Militar espalhou horror ao invadir ontem pela manhã o bairro Pinheirinho, em São José dos Campos.

A operação militar continuou na manhã desta segunda-feira (23).

O governo tucano cedeu 2 mil policiais para o cumprimento de um mandado de reintegração de posse a favor do megaespeculador Naji Nahas.

Oito mil pessoas foram despejadas pela PM de Alckmin, mesmo com uma decisão da Justiça Federal suspendendo a violenta ação.

Os moradores do Pinheirinho foram encaminhados para um campo de concentração criado pelo governo tucano.

Com a palavra o movimento dos Direitos Humanos, a ONU e OEA.