Vereadores de Maringá dobram os sálários para 2013

via O Diário de Maringá

Em manobra para evitar o desgaste político natural em votações polêmicas, os vereadores aproveitaram a reforma administrativa dos cargos comissionados para votar o aumento dos rendimentos de R$ 6.312,63 para R$ 12.025,40, válido para a próxima legislatura.

Na sessão ordinária, o projeto de autoria da Comissão de Finanças e Orçamento foi aprovado em primeira discussão, por 10 votos a 3. Para evitar manifestos populares contrários ao aumento, a segunda discussão, que deveria ocorrer apenas na terça-feira da semana que vem, foi antecipada.

Em sessão extraordinária no início da noite de ontem, o placar se repetiu. Votaram a favor do aumento Mário Hossokawa (PMDB), Heine Macieira, Zebrão e Belino Bravin (trio do PP), Flávio Vicente e Márcia Socreppa (ambos do PSDB), Luiz do Postinho (PRP), Dr. Saboia (PMN), Paulo Soni (PSB) e Umberto Crispim (PMDB, suplente de John Alves). Faltaram à  sessão Marly Silva (DEM) e Wellington Andrade (PRP).

Os únicos contrários ao aumento foram os vereadores Manoel Sobrinho (PC do B), Humberto Henrique e Mário Verri (ambos do PT).

O líder do prefeito na Câmara, Heine Macieira (PP), revelou que o valor do subsídio foi discutido com todos os vereadores, em reunião no início da tarde de ontem. “O consenso foi de votar favorável ao subsídio de R$ 12 mil”, disse.

Também foram definidos os subsídios do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais. O próximo prefeito de Maringá ganhará R$ 25 mil por mês, 44% a mais do que recebe atualmente Silvio Barros (PP). Secretários e vice-prefeito terão, a partir de 2013, o mesmo rendimento dos vereadores !“ exceto do presidente da Câmara, que ganhará R$ 18.038.

Susídios aprovados para 2013

Prefeito R$ 25.000,00
Vice-prefeito R$ 12.025,00
Secretários municipais R$ 12.025,00
Presidente da Câmara R$ 18.038,10
Vereadores R$ 12.025,00

Fonte: projetos de lei 12.184 e 12.185 de 2011

Comentários encerrados.