Curitibanos gastaram mais este ano com presentes no Dia da Criança

da Agência Brasil

Os pais curitibanos gastaram 52% a mais com o presente do Dia das Crianças, em relação ao que foi gasto no ano passado. Segundo levantamento da Associação Comercial do Paraná, em 2010, a média da compra foi R$ 100, enquanto que este ano ficou em R$ 152,00.

Os artigos mais procurados foram brinquedos (58%), roupas e acessórios (21%), eletrônicos (6%) e calçados (3%). A maioria dos consumidores (64%) optou pela compra à  vista, em dinheiro, seguido de parcelado no cartão de crédito (25%).

Segundo a ACP, os comerciantes também estão otimistas, com a expectativa de um aumento de 11% nas vendas, comparado ao Dia das Crianças do ano passado. A confiança se dá principalmente pela chegada de novos produtos à s vitrines e realização de promoções.

Já no Dia dos Pais os filhos foram mais cautelosos, e o presente escolhido por eles custou, em média, 15% a menos do que no ano passado.

Por ser considerada a terceira maior data em vendas, o Procon do Paraná fez uma intensa campanha, orientando o consumidor para uma compra consciente, avaliando preços, a qualidade e a segurança dos produtos. E a recomendação, segundo o órgão, é válida para todas as ocasiões.

Brinquedos, bicicletas, celulares com múltiplas funções e eletrônicos, que estão na lista dos presentes mais procurados, apresentam variadas funções , tipos e marcas. O consumidor foi orientado a prestar atenção na hora de escolher, levando em conta, principalmente o orçamento familiar , evitando comprometê-lo com dívidas futuras.

Pesquisar preços em diversos estabelecimentos antes de comprar está no topo da lista do Procon. Além das recomendações básicas, a campanha para este Dia das Crianças foi para que o consumidor evitasse o mercado informal, para não comprar produtos sem o selo de segurança, além do contratempo causados pela falta da nota fiscal.

Comentários encerrados.