Requião arrefece e pode concordar que Fruet dispute prefeitura de Curitiba pelo PMDB

Fruet defenestrado no PSDB.

Aos poucos, a turma quue sonha repatriar o ex-deputado Gustavo Fruet (PSDB) ao PMDB vai conseguindo convencer o senador Roberto Requião de que é possível trazer de volta o moço de volta sem traumas.

O coração do “velho guerreiro” começou a amolecer diante de insistentes apelos de peemedebistas ansiosos em retomar o comando da prefeitura de Curitiba depois 23 anos.

O secretário-geral do PMDB, deputado João Arruda, e o ex-deputado Renato Adur são quem estão fazendo a ponte Requião-Fruet há duas semanas.

O senador até toparia receber Fruet de volta para disputar a capital, mas sob o tacão dele.

Por outro lado, a missão de viabilizar-se no PSDB parece mais distante para Fruet.

O primeiro-casal Beto e Fernanda Richa — que mandam de fato no ninho paranaense –preferem apoiar a reeleição do prefeito Luciano Ducci (PSB).

Fruet recorreu à  direção nacional para resolver o imbróglio, no entanto, o PSDB marcha firme em direção a Ducci em 2012.

Hoje, por exemplo, Fernanda Richa afirmou em entrevista que, se legislação eleitoral permitisse, poderia disputar na vice de Ducci.

Para um bom entendedor, meia palavra basta.

Comentários encerrados.