Ao vivo: Militância pró-Lula e Requião denuncia ataque neofascista na UFPR

Em comunicado urgente nesta terça-feira (26/07), a militância pró-Lula e Requião denuncia que está sendo atacada pela extrema direita neofascista na Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Daqui a pouco, às 18h30, no Teatro da Reitoria da UFPR, será lançado oficialmente o Comitê Popular de Luta da UFPR.

O comitê da UFPR, que está sob ataque de extremistas, começou a ser organizado em maio passado.

Os ativistas pedem que todos os comitês populares de Curitiba e Requião metropolitana compareçam hoje no evento.

No começo deste ano, o PT planejou a criação de 5 mil comitês populares, onde a militância pode se comunicar com a direção nacional, receber capacitação e formação e ser orientada sobre como mobilizar sua comunidade para a defesa de um país democrático e justo.

Blog do Esmael, notícias verdadeiras.

Balanço da Noite – ao vivo:

Abaixo, leia a íntegra do comunicado urgente sobre o ataque neofascista na UFPR:

COMUNICADO À MILITÂNCIA DOS COMITÊS POPULARES DE LUTA DE CURITIBA E REGIÃO METROPOLITANA

A extrema direita neofascista, com apoio da grande mídia conservadora do Paraná, quer censurar o ato de lançamento do Comitê Popular de Luta da UFPR. Não vamos nos calar! Ditadura nunca mais!

Convocamos todas as forças democráticas e populares para fortalecer e cercar de solidariedade o evento de lançamento deste Comitê. Não recuaremos da tarefa de organizar a comunidade da universidade.

Estaremos unidos a todos os Comitês Populares de Luta que estão empanhados na tarefa de organizar a resistência na defesa dos direitos sociais, das universidades públicas e da democracia.

Contamos com a presença de todos e todas! Vamos mudar os rumos do nosso país!

Local: Teatro da Reitoria da UFPR
Data: Hoje, 26 de julho de 2022.
Hora: 18h30