China envia equipe de médicos à Coreia do Norte para acompanhar Kim Jong-un

O governo da China enviou uma equipe para a Coreia do Norte, incluindo especialistas médicos, para assessorar o líder norte-coreano Kim Jong-un. De acordo com fontes familiarizadas com a situação, citadas pela Reuters, a viagem de médicos e autoridades chinesas ocorre em meio a rumores sobre a saúde do líder norte-coreano.

De acordo com publicação, não foi possível determinar o que a viagem da equipe chinesa sinalizou sobre a saúde do líder norte-coreano.

Foi relatado que a delegação foi liderada por um membro sênior do Departamento de Ligação Internacional do Partido Comunista Chinês. O departamento é o principal órgão chinês que lida com a Coreia do Norte.

LEIA TAMBÉM:

Covid-19 mata quase 200.000 em todo o mundo

No “limite da barbárie”, diz Le Monde sobre evolução da pandemia no Brasil

Coreia do Sul nega que Kim Jong-un esteja doente e desmonta fake news

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, teria passado por um “procedimento cardiovascular” no início deste mês e não compareceu ao aniversário do seu avô e fundador da Coreia do Norte, Kim Il-sung, celebrado no dia 15 de abril.

*Da Sputnik com agências internacionais