Bolsonaro critica investigação do Caso Marielle Franco

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou neste sábado (21) as investigações do Caso Marielle Franco conduzidas pelo Ministério Público do Rio de Janerio.

Bolsonaro falou aos jornalistas durante uma conversa de mais de duas horas no Palácio da Alvorada, em Brasília.

O presidente da República disse que o caso não está sendo bem conduzido pelo Ministério Público do Rio de Janeiro.

Jair Bolsonaro afirmou ainda que, se a investigação sair da esfera estadual para a federal, vai passar a impressão de que ele, Bolsonaro, está querendo ser blindado pela Polícia Federal.

Se houvesse a federalizada do Caso Marielle, as investigações ficariam sob o guarda-chuva do ministro da Justiça Sérgio Moro –a quem a PF está subordinada.

LEIA TAMBÉM
Doria e Covas aumentam tarifas de ônibus, metrô e trem na virada do ano

Os deserdados do capitalismo são a base social do autoritarismo

Bolsonaro é eleito pelo Blog do Esmael o Pior do Ano 2019

Glenn Greenwald liga novamente o reloginho: tic-tac, tic-tac, tic-tac