PSL lança pré-candidatura de deputado que vandalizou placa de Marielle

Compartilhe agora


O PSL, presidido pelo senador Flávio Bolsonaro no estado do Rio de Janeiro, em reunião nesta sexta-feira (5) aprovou o lançamento da pré-candidatura à prefeitura do Rio do deputado estadual Rodrigo Amorim. Ele foi o deputado estadual mais votado no Rio nas eleições de 2018, com mais de 140 mil votos.

Amorim ficou conhecido durante a campanha por um ato em que quebrou uma placa em homenagem à vereadora Marielle Franco , assassinada em março do ano passado.

O governador Wilson Witzel (PSC) também participava do ato de vandalismo com Amorim, além do deputado federal Daniel Silveira.

Witzel e Amorim estiveram em diversos atos de campanha com Flávio Bolsonaro , que apoiou as candidaturas de ambos nas eleições de 2018. Amorim se apresentava à época como “soldado de Flávio Bolsonaro” no Rio.

O lançamento de Amorim sinaliza para uma disputada bastante polarizada no Rio. Na outra ponta do espectro político, o PSOL deve lançar a candidatura do deputado federal Marcelo Freixo.