Mourão conversa com Bolsonaro e diz que previdência fica para agosto

O vice-presidente General Hamilton Mourão (PRTB) conversou com o presidente Bolsonaro (PSL) para tentar desfazer o mal-estar existente entre os dois.

Mourão ligou para Bolsonaro e conversou sobre a recuperação da cirurgia e sobre os encaminhamentos no congresso.

Bolsonaro deve chamar as bancadas e líderes de partidos para discutir os ajustes finais da reforma da Previdência. A intenção será dar uma “amaciada no terreno” para a aprovação da reforma, disse o vice.

E, se tudo der certo, a reforma estará aprovada até agosto.

“Precisa ter a articulação política e uma comunicação eficaz – não só para a população, mas para os congressistas, para aqueles que não entendem a realidade. É um problema de todos, a bomba está armada. Todo mundo precisa ajudar”, disse Mourão ao blog de Andréia Sadi, no G1.

Já que eles vão tentar ferrar com a aposentadoria dos brasileiros, tem que explicar direitinho.

E é bom ir contando as garrafas.

Com informações do G1.

Comentários encerrados.