Globo reclama e passa recibo de abandono de Bolsonaro

A Rede Globo, por meio da pena de Merval Pereira, passou recibo ao reclamar da ligação direta de Bolsonaro com o povo — sem o intermédio da velha mídia e do Congresso Nacional.

“Bolsonaro manda um recado claro de que pretende usar as redes sociais para governar”, escreve Merval para então engatar o raciocínio: “o que pode levar à tentativa de adotar a democracia direta, com referendos e plebiscitos.”

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro, o coveiro da Globo

O representante da Globo acredita que Bolsonaro poderá se converter numa espécie de “Chávez da Direita”, ou seja, muitos referendos e bastante retaguarda militar.

Certa altura de seu artigo, Merval culpa as redes sociais pelo nascimento do populismo de direita a partir de Donald Trump, nos EUA, e Jair Bolsonaro, no Brasil. Ele até cita descontextualizamente o sociólogo espanhol Manuel Castells.

O diabo é que no caso brasileiro foi a Globo quem ajudou a cavar a própria cova ao conspirar pela ruptura constitucional desde 2013, que culminou no impeachment de Dilma Rousseff em 2016, e, consequentemente, na desmoralização dos partidos políticos por meio do fetiche do combate à corrupção.

Portanto, a eleição de Bolsonaro é culpa da Globo. Como se diz por aí, quem pariu Mateus que o embale!

Em tempo: Bolsonaro promete retomar as lives no Facebook a partir das 20h desta quarta-feira.

Comentários encerrados.