Geddel, o dinheirudo de Temer

Publicado em 6 setembro, 2017
Compartilhe agora!

A PF levou o dia inteiro de ontem (5) para terminar a contagem das notas de propina encontradas no bunker do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), homem de confiança de Michel Temer (PMDB). O valor chegou a R$ 51 milhões.

Trata-se da maior apreensão de propina no Brasil e, especula-se, uma das maiores do mundo.

Ex-presidente da Caixa, Geddel terá de explicar a origem do dinheiro encontrado em seu bunker em Salvador, na Bahia, onde cumpre prisão domiciliar na lava jato. Não vale falar que economizou o salário e guardou em malas e caixas de papelão.

Compartilhe agora!

Comments are closed.