Greca foi o mais exigido e Fruet o mais criticado no debate de Curitiba

greca_fruet_massacre_richaQuem venceu o debate na Band TV? Aquele que foi dormir cedo.

Essa velha máxima nunca fez tanto sentido, mas os “heróis da resistência”, que aguentaram até o fim, têm uma opinião sobre o primeiro debate televisivo desta eleição à Prefeitura de Curitiba.

É óbvio que todos os postulantes à cadeira de prefeito dirão que foram os vencedores da peleja. Ninguém admitirá em público que levou a pior. Faz parte do jogo.

Ficou evidente que o ex-prefeito Rafael Greca (PMN), que tenta voltar ao cargo depois de 20 anos, foi o mais exigido pelos adversários. Ele foi incitado a explicar sua aliança com o governador Beto Richa (PSDB).

A iniciativa do ataque partiu de Ney Leprevost (PSD), que lembrou da aposentadoria de Greca na Prefeitura e levantou uma bola açucarada para Requião Filho (PMDB) cortar sobre o massacre dos professores em 29 de abril.

Como Pilatos, Greca lavou as mãos: “Não tenho compromissos com erros alheios”.

Para o senador Roberto Requião (PMDB), que acompanhou o filho no estúdio da Band TV, “Greca tem a rejeição pelo apoio de Richa e Ducci e suas trapalhadas. O troco do eleitor será pesado”, avaliou.

Por outro lado, o prefeito Gustavo Fruet (PDT) foi menos requisitado sobretudo nos dois primeiros blocos do confronto.

“Cubro eleições há 16 anos. Nunca vi isso de ninguém perguntar ao atual prefeito…”, testemunhou pelo Twitter o repórter Rogério Galindo, do jornal Gazeta do Povo.

Entretanto, Fruet teve a administração bastante questionada pelos adversários inclusive pelo candidato do PT, Tadeu Veneri, que o fustigou bastante nas áreas da segurança e do transporte. Os petistas ocupam a vice do pedetista.

Os demais candidatos tiveram um papel secundário e até confuso no debate.

Venceu o debate quem foi dormir cedo. Aliás, as emissoras de TV deveriam respeitar os trabalhadores que labutam no dia seguinte. Elas têm que cumprir sua função social de informar dentro de horário razoável.

Abaixo, assista aos quatro blocos do debate:

1º bloco:

2º bloco:

3º bloco:

4º bloco:

13 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Ladrão chega de ladrão vote 26

  2. O grande vencedor do debate foi o Prefeito Gustavo Fruet, demonstrou um grande conhecimento sobre a cidade de Curitiba e mesmo diante de toda a crise que assola o nosso País conseguiu realizar grandes obras tornando Curitiba uma cidade mais humana.
    O grande perdedor foi o Rafael Greca, grande contador de histórias, promete o que não vai cumprir, o seu plano de governo virou motivo de piada entre os participantes do debate, como falou um candidato, parece que o Greca quer vender terreno na Lua e Aptos na Torre da Telepar. Quando os eleitores de Curitiba tiveram acesso a seu plano de Governo, não irá disputar nem o 2º turno

    • Fruet vencedor ? vc está de piada né.
      são quase 4 anos que ninguém sabe aonde está o prefeito.
      não se elege nem para sindico.

  3. Com certeza os melhores foram o Requião Filho e a Xênia, a Xênia só pecou no visual, não se usa um brinco daquele tamanho para aparecer na tv e o cabelo encobrindo o rosto!

  4. ISSO QUE É DIFÍCIL DE VOTA PORQUE NÃO SE TEM PROJETO QUE POSSA CONFIAR

  5. o gustavo só enrolou , esquivou e quis justificar o injustificado como o corte dos berçários , sucateamento da GM , a desintegração do busão e a falta de combate à máfia do busão, já o greca viajou na maionese com o projeto de bondinho entre shopping e defender o beto lixo.

  6. Puro jogo de cena dessa tv golpista.
    Fiz uma bem enorme à minha saúde e não assisti esse lixo.
    A essa altura, esse tipo de programa não serve pra nada, a não ser chamar audiência.
    Pra quem tem tempo pra jogar fora, uma prato cheio.
    Lixo, tudo lixo.

  7. O Fruita e seus números mais perdido que cego em tiroteio. Vai levar fumo nas urnas.

  8. Essa senhora MARIA A com certeza não trabalha! (isso pelo horário dos seus comentários)

  9. Caro Esmael,
    Ha uma matéria sobre os Planos de Saúde no GGN, que sugiro publicar.

    Poderia fazer uma entrevista com o Ministro dos Planos e perguntar se ele pretende cobrar essa dívida, 2 bi, ou se seria um modo de debitar ao erário a ajuda na sua campanha?

    O Paraná também é responsável pelo golpe de Ricardo Barros.

    Todos os esquerdistas e blogueiros de todos os estados convocados a execrar senadores golpistas até a décima geração.

    • Não voto em partido golpista, que não cumpre o que está na lei, ataca direitos em vez de ampliá-los e garanti-los, e sufoca o funcionalismo público, quem apoia isso inclusive a PEC 241 NÃO TEM MEU VOTO SEJA PRA QUE FOR.