Dilma denuncia golpe às mulheres

Foto: MÍDIA NINJA.

Foto: MÍDIA NINJA.

A presidente Dilma Rousseff participou na tarde desta terça-feira, 10, da abertura da 4ª Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres. Ela aproveitou o público para denunciar, mais uma vez, o golpe de Estado que poderá afastá-la amanhã do cargo por 180 dias. Abaixo, assista ao discurso.

O evento que reúne em torno de três mil mulheres no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, ocorre até esta quinta-feira (12).

Durante a cerimônia de abertura a presidente Dilma Rousseff esteve presente: “Nós temos um lado, é o lado que garante que as mulheres sejam aquelas que recebem o cartão do bolsa família, que aprova a lei contra o feminicídio, que quer a casa da mulher brasileira. Nós queremos um país que a intolerância e o preconceito não tenha espaço para crescer”.

Dilma ainda completou: “Pra mim o último dia do meu mandato é o dia 31 de dezembro de 2018”.

A Conferência conta com representantes dos 26 Estados e do Distrito Federal e tem como objetivo debater os avanços relacionados aos direitos das mulheres.

Com informações do MÍDIA NINJA.

Comentários encerrados.