Em nota, Beto Richa desafia juízes

Nota oficial do governador Beto Richa (PSDB), via blog de Fábio Campana, afirma que repasses para o duodécimo foram interrompidos porque o judiciário tem R$ 700 milhões aplicados em especulações no mercado financeiro; servidores do judiciário, que são o elo mais fraco nessa disputa, pagam o pato ficando sem salário que vem atrasando nos últimos três meses; nesta semana, entidades representativas da magistratura exigiram direito de resposta ao blog Gazeta do Povo, com base na Lei Requião, pois viram em suas reportagens ataques à categoria para livrar a cara do tucano – alvo de investigações por corrupção na educação (Operação Quadro Negro) e na Receita Estadual (Operação Publicano); abaixo, leia a íntegra da nota.

Nota oficial do governador Beto Richa (PSDB), via blog de Fábio Campana, afirma que repasses para o duodécimo foram interrompidos porque o judiciário tem R$ 700 milhões aplicados em especulações no mercado financeiro; servidores do judiciário, que são o elo mais fraco nessa disputa, pagam o pato ficando sem salário que vem atrasando nos últimos três meses; nesta semana, entidades representativas da magistratura exigiram direito de resposta ao blog Gazeta do Povo, com base na Lei Requião, pois viram em suas reportagens ataques à categoria para livrar a cara do tucano – alvo de investigações por corrupção na educação (Operação Quadro Negro) e na Receita Estadual (Operação Publicano); abaixo, leia a íntegra da nota.

O governador Beto Richa (PSDB) retomou a guerra contra o judiciário paranaense este fim de semana, depois de aparente trégua de uma semana. O tucano não só cortou repasse à magistratura como também emitiu uma nota oficial marota e desafiadora, via blog do jornalista Fábio Campana, reafirmando que o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) tem R$ 700 milhões aplicados em especulação no mercado financeiro.

No mês passado, o secretário de Estado da Fazendo, Mauro Ricardo Costa, cortou os repasses alegando que o TJPR, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado (TCE) especulam no mercado financeiro com sobras orçamentárias e que seriam “ilhas de prosperidade” num estado em crise.

No final da tarde de ontem (26), servidores do judiciário, que são o elo mais fraco nesse tiroteio, reclamaram ao Blog do Esmael que eles são vítimas de uma disputa acerca dos depósitos judiciais. “Na queda de braço pelo o acesso aos depósitos judiciais, quem paga o pato são os servidores do judiciário”, desabafou um servidor, que pediu anonimato.

Outro servidor do judiciário  conta que os salários dos servidores têm atrasado com frequência nos últimos 3 meses por conta dessa disputa pelos depósitos judiciais.

A crise institucional entre governo do estado e judiciário contou com um terceiro elemento, o blog Gazeta do Povo, que logo na sequência se desculpou a juízes e promotores em servil editorial: “Diante dessas circunstâncias, a Gazeta do Povo esclarece que jamais teve tal intenção.”

As entidades representativas da magistratura viram no ataque do blog Gazeta do Povo à magistratura uma forma de tirar o foco do governador Beto Richa, alvo de investigações no judiciário, por isso exigiram direito de resposta ao ex-jornal com base na Lei Requião.

Leia a íntegra da nota do governo Beto Richa:

“A Secretaria de Estado da Fazenda já liberou, no dia 22 de fevereiro, R$ 70 milhões para o Tribunal de Justiça. As demais necessidades devem ser atendidas pelo saldo financeiro livre de R$ 700 milhões que está aplicado pelo Tribunal de Justiça no mercado financeiro. Ou esses recursos podem ser devolvidos para o Tesouro, para que possam ser reenviados para o Tribunal de Justiça na forma de duodécimo. Esta é mais uma medida de otimização dos recursos públicos arrecadados pelo Estado.”

27 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. SUPER MEGA KIT COMPLETO WHATSAPP MARKETING DIVULGAÇÃO EM MASSA

    Alcance Seu Publico Alvo

    Alavanque Suas Vendas

    SITE: http://bit.ly/1QgntWx

  2. O duro não é você não receber o salário no dia certo
    O ruim mesmo é ver uns animaus desses e comentar que ganho demais e trabalho pouco!
    Ganho sim mais de 4 mil reais.
    Mas, ao contrário do que comenta este acéfalo que se diz Pedreiro Intelectual, faço por merecer trabalho por merecer!
    Fiz o concurso onde haviam 4800 candidatos para 32 vagas, não tenho sobrenome “trecentão” e tampouco minha família é de origem abastada.
    Hoje, trabalho cerca de 10h diárias só pelo Judiciário, sem contar fins de semana e noite de plantão.
    Aí um idiota vem e comenta algo assim!
    Não meça os servidores do Judiciário com a sua régua! Uma ínfima parte enquadra-se nas colocações desse energúmeno

  3. Quem é pior: aquele que está revivendo as épocas de aplicar no overnight o dimdim alheio, ou aquele que quer surrupiar esse didim?

  4. Fogo amigo! O mesmo “teatrinho” feito entre Taniguchi x richa, quando para conseguir ser, ele, considerado defensor dos usuarios do transporte coletivo. Este sujeito não me engana!!! affffff

  5. Só para lembram, quando se fala de servidores do Judiciários, juízes e promotores são uma ínfima parte. Não faço parte do judiciário, sou professor PSS, que pelos comentários não receberei salário neste mês, mesmo trabalhando desde o início de fevereiro. Antes que algum mal informado questione, sim, fiz greve e fiz a reposição das aulas, como ficou acordado no fim da greve, onde nós, cumprimos com a nossa parte, diferente deste governo. Ahhh, mais um detalhe. A greve é o último recurso de uma série de tentativas para equiparar direitos, previsto na constituição. Portanto fui a luta, diferente de muitas outras classes que nada fazem, que só esperam que as conquistas caiam do céu. Quer fazer alguma coisa pelo seu país, pelo seu estado? Levante a bunda dessa cadeira e vá a luta, pare de criticar quem pelo menos tenta fazer algo contra essa máquina corrupta, tanto estadual, como federal.

  6. O roto falando do esfarrapado…nem governador nem judiciário…. Quando e do interesse de ambos se unem contra o cidadão comum….podre os dois

  7. O único que peitou legitimamente o judiciário foi o Requião. O resto é conversa prá boi dormir.

  8. Uns aplaudindo o Richa, outros torcendo para o Judiciário. Todos errados. São podres poderes.

  9. Ainda estão ganhando R$ 4.000,00 de auxílio moradia?
    O país é uma grande piada e o estado do Paraná então, nem se fala: diários secretos, operação publicano, operação quadro negro. Aí o PSDB quer falar do PT! Kkkkkk…

  10. O dinheiro que está aplicado pelo Tribunal de Justiça não é do Tribunal, mas sim de todos os cidadãos que tem ações judiciais aguardando a decisão de quem tem o direito. Será que aqueles que acham correta a posição do Governador de pegar o dinheiro para pagar funcionários gostariam que algum depósito judicial deles fosse depenado? Não são os juízes que tem dinheiro sobrando, mas sim as pessoas que tem ações judiciais. Provavelmente os juízes até tenham seu próprio dinheiro sobrando (pois são bem remunerados). Porque o Governador não vai pegar o dinheiro aplicado do caixa da Sanepar e da Copel? Porque é ilegal, assim como é ilegal pegar recursos dos precatórios.
    O fato é que para o Beto Richa precisar passar por essa situação de não pagar servidores do judiciário é porque a situação do caixa do Estado é muito, mas muito pior do que ele fala. Não havia ele dito que agora está tudo resolvido sob a ótica fiscal? Primeiro ele devia reduzir os cargos comissionados que estão espalhados por toda a máquina pública, pois assim o Executivo economizaria algum dinheiro. Podia começar com o comissionado da sogra fantasma, o Ezequiel da sogra fantasma, seria uma boa economia para a Sanepar e evitaria o contato dele com o pessoal da Andrade Gutierrez na Sanepar (mas essa é outra história).

  11. Boa aproveita e tira os 77 mil reais que aquele juiz parcial incompetente e tendencioso chamado Moro ganha kkk

  12. A verdade é que certo esta o GOVERNADOR com esta atitude. Nenhum servidor do TJ ganha menos do que 4mil por mês, desafio qq. um dos comentaristas ai a provar que ganha menos que isso. Sem falar que só entram trabalhar às 12hs e saem 19hs. Mal entram e já vão almoçar, fingem que trabalham um pouquinho e já vão tomar um café. Ai vai O ADVOGADO é mal atendido, vai o cidadão e é mais mal atendido ainda. Isso ai BETO RICHA vamo corta as regalias desse TJ e do MP também.

  13. ISSO AI BETO!!! ACABA COM ESSA FARRA E BAGUNÇA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA E DO MP!!! JUÍZES E SERVIDORES QUE GANHAM MUITO E TRABALHAM POUCO (12àS 19HS), TEM CAFÉZINHO, LANCHINHO E QUE SÓ DEIXAM A “JUSTIÇA” MAIS MOROSA.

  14. sera que da para imaginar se beto lixo foce PT,já estaria no inferno,já nosso judiciário uma vergonha,cade a força das leis.

    • Araucaria pinho, acho que você, assim como os demais que aqui opinaram, deve se informar melhor. O dinheiro que o Beto Richa quer pertence às partes litigantes não é do Judiciario. O Governador como fez com o dinheiro da Paraná Previdencia quer pegar o dinheiro das partes pra ele. Depois quem garante que vai devolver. Acha justo as pessoas ficarem sem o dinheiro que é delas por direito ou esperar ate que “um dia” seja devolvido pelo Governador?

  15. Nunca dei razão ao Beto Boy mas se juízes tem dinheiro sobrando para investimento é sinal que a coisa esta indo muito bem para eles.

  16. Dá série “Cavando a Pŕopria Cova”.
    Depois de acreditar-se inatingível, imbatível, inimputável e acima do bem e do mal, cometeu o crasso erro de esquecer quem garantia que o couro dele permanecia íntegro…

  17. O que esqueceram de comentar na nota do governador é que estes 700 milhões são de depósitos judiciais e não podem ser dispostos da forma que o governo quer.

  18. Ao menos uma atitude correta do governo, os novos marajás nadando de braçada no dinheiro público. Investindo no mercado financeiro e depois ratiando entre seus membros em forma de indenizações.

  19. Nunca votei no beto não gosto do beto como governador, mas nessa parada eu concordo com ele não tem o porque o poder Judiciário ficar investindo dinheiro, que use esse dinheiro para manter o Custeio da Maquina deles… Dinheiro Público não é para ficar parado.

    • Luciano, concordo com você. E o judiciário consegue ser pior que o Beto.

      • Prezados Luciano e Vladimir, esse dinheiro que o Beto diz que está investido no mercado financeiro, na verdade, trata-se de precatórios, que tem ser pagos a quem de direito.
        Por outro lado, está estabelecido em lei que o Estado tem que repassar o duodécimo, que é de direito do Tribunal. De tudo que o Estado arrecada, cerca de 20% é oriundo de taxas e custas admitidas pelo TJPR.
        Deixo claro que não estou defendendo o TJ, mas é o que está na Lei.

    • Esse dinheiro “investido” não pertence nem ao judiciário e nem ao executivo. Pertence as partes litigantes em algum processo.

  20. o beto já no bico do corvo e ainda quer peitar a galera de capa preta.