Requerimento na Câmara já tem 13 assinaturas para instalar CPI da Urbs

Ato contra o aumento da passagem de ônibus. Fotos: Bruno Covello/Gazeta do Povo.

Ato contra o aumento da passagem de ônibus. Fotos: Bruno Covello/Gazeta do Povo.

O vereador José Carlos Chicarelli (PSDC) informa que o requerimento para instalar a CPI da Urbs, na Câmara Municipal de Curitiba, já tem as 13 assinaturas para prosperar a comissão de investigação, conforme pede o regimento da Casa.

Em acordo com a bancada do PSC, prevaleceu o texto articulado pelo partido de Ratinho Júnior — que deverá ficar com a presidência da CPI.

Para ser instalada, além das assinaturas, a comissão de investigação ainda precisa ser votada amanhã em plenário em votação simples, ou seja, para começar funcionar precisará de 19 votos.

Nesta quarta 26, pelas redes sociais foi marcado um protesto no legislativo municipal pela CPI visando à  abertura da “caixa-preta” na Urbs.

O líder do prefeito Gustavo Fruet (PDT) na Câmara, vereador Pedro Paulo (PT) disse que as investigações sobre sistema de transporte coletivo, integração e operação, tem apoio da atual gestão”.

Chicarelli acredita que mais vereadores deverão encorpar o pedido de CPI da Urbs nas próximas horas.

Vereadores que assinaram o pedido de CPI da Urbs:
1- Bruno Pessuti (PSC)
2- Mestre Pop (PSC)
3- Rogério Campos (PSC)
4- Carla Pimentel (PSC)
5- Geovani Fernandes (PTB)
6- Tiago Gevert (PSC)
7- Chicarelli (PSDC)
8- Cacá Pereira (PSDC)
9- Professor Galdino (PSDB)
10- Beto Moraes (PSDB)
11- Zé Maria (PPS)
12- Valdemir Soares (PRB)
13- Cristiano Santos (PV)

Ouça as informações do vereador Chicarell:
[audio:https://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2013/06/chica_cpi.mp3]
Clique aqui para fazer download do áudio.

18 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. a PEC 37 caiu gente, joga esta investigação no colo do MINISTÉRIO PÚBLICO.

  2. CPI nunca deu em nada,é para fazer de conta que políticos estão trabalham.

    O que eu sei e escutei na mídia é que Beto Canalha fez um acordo com as empresas de transporte coletivo,onde previa que neste ano, a prefeitura teria que pagar R$2,99 por usuário,por isto que falavam que Fruet iria elevar a tarifa em R$3,10 no início do ano.

    A pergunta que fica e que ninguém fez a raposa (Beto)é:

    Porque ele quebrou o sistema de transporte da capital????

  3. Instala a CPI e esses caras vão saber tocar e investigar? Vi esse povo dessa câmara fazer tanta bobagem e cuidar de tanta futilidade que perdi a fé… Eu acho que são um bando de incapazes e sem inteligência para tomar conta de uma tarefa dessas…

  4. CPI – Comer Pizza Inteira. só dando risada mesmo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  5. Ja instalaram a CPI estao so fazendo tipo esses vereadores sao aviao…Sabem que na CPI nao da nada mesmo é tudo entre amiguinhos…Me engana que eu gosto…

    • ESprica pra mim é sobre a caicha pleta.
      Transparência

      Contratos com empresas de transporte estão disponíveis na internet

      21/06/2013 16:21:00

      Compartilhe
      Share on twitter
      Share on orkut
      Share on facebook
      Share on google_plusone_share
      Share on delicious
      Share on reddit
      Share on digg
      More Sharing Services

      Todos os documentos da licitação e os contratos com os consórcios Pontual, Pioneiro e Transbus, que fazem a operação do transporte coletivo em Curitiba, foram digitalizados e estão, a partir desta sexta-feira (21) à disposição da sociedade, no site da Urbs (www.urbs.curitiba.pr.gov.br).

      Para chegar aos documentos, o interessado deve clicar na aba Institucional e em seguida em Licitações. Depois, clicar em Homologadas, no menu à direita, e selecionar a licitação 005/2009. Nessa página estão elencados todos os documentos disponíveis para consulta. Os documentos inseridos no site nesta sexta-feira estão no último item da lista, Processo Digitalizado. Os mesmos documentos, gravados em meio digital, serão encaminhados a todos os vereadores da cidade.

      A inclusão do processo digitalizado significa que os dados da licitação, que por força de lei estavam disponíveis no site da Urbs desde o início do processo, agora estão disponíveis também com a validade de documentos assinados e rubricados. Também os contratos, que só foram incluídos no site, na íntegra, no início desta gestão, estão à disposição dos interessados, que podem baixar e fazer cópias de documentos com rubricas e assinaturas.

      Os mesmos documentos ““ num total de cerca de 15 mil folhas ““ foram apresentados pelo prefeito Gustavo Fruet, na versão impressa, na tarde de quinta-feira, à imprensa, vereadores e representantes de movimentos sociais, incluindo o Movimento pelo Passe Livre.

      “A ordem é transparência total. Todos os números, dados, planilhas e informações estarão na internet, com acesso livre ao cidadão”, disse o prefeito, ao anunciar o esforço de diferentes áreas da administração municipal e da Câmara de Vereadores para redução da tarifa na Rede Integrada de Transporte para R$ 2,70. O esforço conjunto garantiu recursos de R$ 30 milhões para subsidiar o transporte coletivo, sem redução de investimentos em áreas como saúde, educação e ação social.

      “Estamos abrindo a caixa preta do transporte e pedindo à sociedade que ajude a fiscalizar o sistema e discutir melhorias”, disse o prefeito Gustavo Fruet durante o pronunciamento em que anunciou a redução da tarifa.

      O prefeito também anunciou que, pela primeira vez em Curitiba, a Prefeitura passará a divulgar mensalmente os índices de qualidade do serviço prestado pelas empresas de transporte coletivo. “Isso nunca foi feito antes e é mais um passo no sentido da transparência”, afirmou.

      Fruet propôs um pacto com a população, com três vertentes: transparência, melhoria e participação. “Nosso enfrentamento não é com manifestações populares, que são legítimas, mas com o passivo que recebemos e com as condições que hoje dificultam a melhoria do sistema de transporte”, afirmou.

      O prefeito pediu aos que têm participado das manifestações de rua pela redução da tarifa que participem das reuniões da Comissão de Análise da Tarifa, realizadas todas as quintas-feiras, às 9 horas, na Urbs. “Peço também que discutam as propostas de recuperação da qualidade do transporte e ajudem a combater o vandalismo, que aumenta o custo da tarifa”, disse.

  6. ESMAEL, sei que você anda muito ocupado com tantos acontecimentos políticos concomitantes, mas me responde essa: CADÊ O PT (Vereadores Pedro Paulo, Johnny Sticca e Professora Josete) que há séculos pede pra abrir a caixa preta da URBS na Câmara Municipal?

    Porque todos os Vereadores do PT mudaram seu discurso logo após as eleições?

    ALGUÉM RESPONDE POR FAVOR !!!

    • Um amigo postou no tweeter: “Enquanto a dinheirama dos pedágios engole o Estado do Paraná, a do transporte público faz o mesmo com o Município de Curitiba”…

      Será verdade isto?

  7. Não vi nenhum nome do PT na lista…

    Será obra do Fruet???

  8. a Presidência da CPI nas mãos do PSC, isso esta me cheirando a PIZZA. Ratinho e Richa já preparando o resultado final.

    não acredito que o atual prefeito, vá deixar isso acontecer debaixo de sua barba!!

    acorda FRUET!!!!!!!!!!!!!!!

  9. cadê a assinatura do aladim do pv e de outros vereadores de outros partidos de ou cadê???

  10. Esmael, quem mais assinou, e quem não assinou a CPI da URBS o povo quer saber.

  11. Assina Josete!

  12. FORO DO FOCO

    É isso ai, vamos trocar os políticos ladrões, pelos saqueadores mascarado da rua.

  13. O negócio é ir lá na quarta e ver se o Salame faz o negócio acontecer ou engaveta, como o Roscone fez…

    Mas olhando no rosto da multidão, dificilmente ele vai ter coragem de engavetar… vai é jogar pra torcida… e tentar atrapalhar depois…

  14. Enquanto isto a do pedágio…….. A este esquecimento, pedageiros, deputados e cia agradecem.

  15. Isso ai tenque apoiar mesmo a URBS precisa ser investigada, e se o prefeito não fizer que nem o desgovernador e pressionar a situação para não assinar a CPI demostrara que não tem rabo preso com essas empresas.
    essa turma do protesto que apareceu em outro post deve ir até a assembleia pressionar os deputados a favor da CPI dos pedagios que nosso demagogo richa fez questão de barrar de forma obscura.