Greve de motoristas e cobradores, depois vem aumento na tarifa de ônibus em Curitiba

Motoristas e cobradores querem 15% de aumento salarial, patrões oferecem 8,02%; indicativo de greve da categoria pode antecipar reajuste na tarifa do ônibus.

Motoristas e cobradores querem 15% de aumento salarial, patrões oferecem 8,02%; indicativo de greve da categoria pode antecipar reajuste na tarifa do ônibus.

O script é muito manjado, mas funciona bem. Primeiro, os empresários do transporte coletivo choram (e como choram!) publicando nota oficial em jornal. Depois os trabalhadores, motoristas e cobradores, fazem justa reclamação de seus salários defasados. Na sequência, vem a tungada nos usuários do sistema com a elevação do preço da tarifa do ônibus.

Motoristas e cobradores já recusaram a proposta dos patrões de reajuste de 8,02% em assembleia pela amanhã. A categoria ainda se reúne à s 15 horas e à s 21 horas desta segunda-feira (11). Eles reivindicam 15% de aumento salarial e de 100% no auxílio-alimentação.

Para evitar a greve, ou depois que ela for deflagrada, muito provavelmente, a prefeitura de Curitiba cederá a grita do empresariado.

Agora, pode aumentar o preço da passagem de ônibus sem antes abrir a “caixa-preta” da Urbs, a empresa que gerencia o transporte coletivo na capital?

40 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. ISSO E BOM PRA QUEM VOTOU NESSE BOCA MOLE,ELE NAO FEZ NADA COMO SENADOR IMAGINE COMO PREFEITO.JA COLOCOU A FAMILIA PRA TRABALHAR JUNTO,IMAGINEM A CORJA QUE ELE DEVE FAVOR.E A CAIXA PRETA SE ABRIR NAO VAI DAR EM NADA.SEMPRE A MESMA LADAINHA EX PREFEITO DEIXOU DIVIDAS,E SO PAGAR COM O DINHEIRO DA CAIXA PRETA.OS ONIBUS ESTAO MAIS LOTADOS QUE SARDINHAS MESMO COM AUMENTO DA PASSAGEM,E LA VAI NOS.APROVO A GREVE TEM MAIS E QUE PRECIONAR.

  2. Tânia, concordo contigo a respeito do seu comentário sobre a região metropolitana. Só quero deixar uma opinião a respeito do assunto: Tudo bem que é o empregador que cobre o aumento, de nós trabalhadores será sempre 6% em cima do salário(até quando não sei). Para quem já está empregado isso não influenciará, mas para quem está ai em busca de uma oportunidade começara a perceber as dificuldades de ser efetivado em alguma empresa que dependa de 2 ou 3 passes para fazer o trajeto de casa/servico e vice-versa quando houver um candidato que necessite apenas de um passe. Tenho certeza que as empresas começaram a levar em conta.

  3. Coitadinhos dos empresários, estão a beira da falência , pagando a miséria que pagam aos seus funcionários e nos obrigando CINCO MILHÕES de pessoas se locomoverem, de forma desumana, por dia! Se estão a beira da falência é pq fizeram algum curso de como administrar pessimamente tds os recursos obtidos sobre a exploração de outros.

  4. O indivíduo que comentou ali em cima a respeito da questão da região metropolitana – provavelmente – não deve estar informado de que as pessoas que residem na RM de Curitiba ajudam a girar renda para Curitiba, uma vez que boa parte da população ajuda a construir riquezas e gasta a miséria que recebe em troca de seu serviço também em Curitiba. Sem a região Metropolitana Curitiba não teria a mesma arrecadação que possui hoje.

  5. KKKKKK DO QUE ADIANTA POVO CURITIBANO AUMENTAR A PASSAGEM E AGENTE EM PÉ NO ONIBUS COM OS MOTORISTA ACHANDO QUE ESTÃO LEVANDO UMA BOIADA QUE VAO CORRENDO IGUAL UMS LOUCOS .UMAS FILAS ENORMES UM MONTE BRIGA NAS FILAS ISSO É UMA VERGONHA PRA NOS E PRINCIPALMENTE PRO PREFEITO

  6. O aumento não terá impacto ao trabalhador de salário mínimo, pois o mesmo opta por 6%.

    O transporte coletivo de Curitiba não tem nada de modelo a país algum, as tarifas fora do Brasil são mais caras, mas o investimento em melhoria é grande e eu nunca peguei um ônibus cheio.

    O aumento dos motoristas e cobradores não é o principal fator no aumento da passagem, mas sim o aumento diesel.

  7. ooo prefeito esqueceu de nós daqui do campo de santana e tatuquara né :onibús lotado na hora de pico e ainda vai almenta a passagem pooo aii não da gustavinho de um geito aii moço!!!

  8. cade nosso prefeito?
    que nao da jeito nessa tarifa de onibús lotado pessimo?
    nem as ruas nos bairros ele ta cuidando abandono total ??????????queremos atitude e trabalho para o pova q o elegeu e o confiou ?????????::( se meche prefeito cade o nosso novo terminal do tatuquara só promesa e nada de comprir né !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  9. Afinal… Vai ter greve amanha dia 12 de onibus ou não…?

  10. E os burros não vêêm que tão sendo usados

  11. Onde esta a coragem do Prefeito para abrir a caixa preta da Urbs que tanto prometeu na campanha? Desse jeito a Gleisi se desliga de Guga pra não atraplhar sua candidatura, se fizerem uma pesquisa hj a rejeição do prefeito esta em curva ascendente e muito rapidamente. Acorda Curitiba

  12. e o richa se reelegeu por essa merda que ele fez e ninguem reclama

  13. a obra ecologica mais visitada do parana é a linha verde, se você passar pór ela vai ter tempo de ver todas as flores e todas as folhas que estão nos canteiros centrais simplesmente por que algum idiota achou que trincheira e viadudos enfeiam a cidade, então é melhor ficar vendo flores por 2 horas do atuba ao pinheirinho do que passar por um viaduto , e o mais engraçado é que em eleição em curitiba aquela m… de obra da linha verde ninguem fala

  14. o fruit tem a chance de acabar com a carreira politica de pelo menos uns 10 politicos , mas com certeza vai se encolher pra não perder apoio do governo do estado ,(que francamente curitiba não precisa), como fez o ratinho que chamava de cueca de seda e aceitou ser secretário…;……….,….,… sem comentários chega dos mesmos

    • Se a coisa não for bem conduzida ele pode até acabar com a carreira dele mesmo. Irá a nocaute antes mesmo de começar a luta.

  15. mais de 4 milhões de passagens por dia e ainda dá prejuízo, deviam mudar os administradores do sistema

  16. a grande sacada é saber se um professor tem capacidade pra dirigir um ônibus e aguentar o estresse, não sou nem motorista nem cobrador nem professor, mas infelizmente essa politização dos sindicatos de fato só da lucro pros empresários e pra urbs , e o nosso betinho continua de bonzinho , mas quem armou a palhaçada desde o ano passado foi ele, junto com o tal de ducci que ele subsidiava pra tentar reeleger, politico desse quilate tem mais é que sumir do paraná , só propaganda, e vem a copa que de lucro só vai dar pro atlético que não vai pagar nada , como já afirmou o nosso dignissimo secretario da copa

  17. Tem que reajustar mesmo, basta ter um final de semana prolongado e todos vão a praia, pagam um pedagio absurdo, o combustivel caro..ai vem falar que o reajuste é abusivo, para de berber cervejas e mais cervejas no final de semna que sobra dinheiro para a tarifa………

    • As pessoas não podem mais viver? Curtir a vida? Que eu saiba é pra isso que elas trabalham igual a condenados… Imagine, o mundo já está virado, já pagamos impostos ridículos e tudo mais, se nem aproveitar um FDS ou uma cervejinha as pessoas puderem mais porque se não não sobra dinheiro pra tarifa do onibus então é melhor acabar tudo de uma vez.

  18. O prefeito já abriu a caixa preta do tarifa como acomodar o interesse de todos: ganância dos empresários + sede dos sindicatos = tarifa alta. Resultado de um governo fraco que deve para os doadores de campanha e massa de manobra dos sindicatos. Credo como fui votar nisto

  19. sta Urbs de hoje ( antiga cia de urbanização de curitiba ) tem em seus quadros pessoas do mais alto nivel de conhecimento financeiro , politico e estratégico . Vejamos : a urbs tem Capital fechado ““ Sociedade anônima de capital fechado, a Urbs não tem ações disponíveis para venda e não distribui dividendos aos acionistas, por exercer atividade eminentemente pública. Conforme o Estatuto Social, os membros do conselho de administração devem ser acionistas, sem remuneração. O quadro societário também inclui o HSBC Seguros, a Fundação Bame­­­rindus de Assistência Social (em liquidação) e a Banestado S/A, Par­­­tici­­­pações, Administração e Ser­­­viços (em liquidação). Incor­­poradores da massa falida do Bamerindus e do Banestado, respectivamente, o HSBC e o Itaú não informaram se têm interesse em manter as ações. e sabem quem são os acionistas minoritarios????
    DOUTORES PAULO FROTE E ROBERTTO HINÇA !!!

  20. vergonha é pouco para este que se diz prefeito de curitiba garra vergonha na cara e antes de libera o almento da passagen vai abrir a caixa preta vai sobra grana das empresas ( prejudicado sempre somos nos trabalhadores querendo ou não precisamos desta vergonha chamado transporte coletivo)

  21. Primeiro eles pedem 30%, depois 15. Não sei se não é demais. Sim, porque eles já ganham mais que um professor em início de carreira (1500 reais para motoristas – mais ou menos 1100 para professores). Só que este professor, além de trazer algo importantíssimo para o futuro, o ensino, trabalha muito mais horas que as 6 por dia trabalhadas pelos motoristas.
    O negócio é enfrentá-los.
    Precisamos decidir o que é realmente prioritário em nossas vidas.

    • FALANDO EM VIDAS SERA QUE A VIDA DA POPULAÇÃO VALE TAO POUCO PQ OS TRABALHADORES SAO RESPONSAVEIS PELO TRANSPORTE DESSAS VIDAS PARA O SENHOR JACU DO MATO NÃO. ACREDITO QUE SE O SALARIO DOS PROFESSORES É TÃO BAIXO PQ NÃO FAZEM COMO OS MOTORISTAS E COBRADORES QUE LUTAM POR SEUS DIREITOS AO INVEZ DE CRITICAR A CLASSE ALHEIA E PODE SER QUE SEJA ISTO QUE MEUS FILHOS ESTÃO APRENDENDO NA ESCOLA. (SE FOREM ALUNOS DESSE AI) POR QUE ADIMIRO A PROFISSAO DE PROFESSOR E SEI QUE TODA REGRA TEM ESSEÇÃO APRENDI NA ESCOLA.

      • Sr. Francisco…nota-se que não aprendeu mto com seu professor…pois exceção não se escreve com 2 “s”… Pare de desmerecer o trabalho de um professor e estude mais, pelo menos leia mais.

  22. isso e uma vergonha para a cidade modelo, um absurdo esse aumento nas passagens, alem disso as pessoas estão sujeitas a ter que deparar com uma greve,e não poder fazer os seus deveres por falta de trasportes….

  23. Enraba, enraba o nego,
    Enraba, enraba o nego…
    O nego tá cansado
    De ser enrabado
    Enraba, enraba o nego
    Enraba, enraba o nego…

    A casa-grande do empresariado do transporte coletivo da cidade continua seu papel cínico na novela e a turma da senzala, maioria, enganada por discurso eleitoral e enrabada em breve, se nenhuma reclamação vier contra a enrabagem patrocinada pelo conluio prefeitura/casa-grande.

  24. ps: o salario é o mesmo!!!

  25. E nesta briga quem leva paulada é o usuário, que além do desconforto dos ônibus, o mesmo tem que ficar um bom tempo parado em tubos e pontos de ônibus esperando o próximo passar e no caso dos biarticulados (expressos) e ligeirinhos o negócio é crítico, porque invariávelmente estão sempre lotados.

    Isso é mais uma greve patronal, devido ao aumento dos ganhos que terão com o aumento salárial dos trabalhadores, não que os trabalhores, não tenham direito de receber, mas tá na cara que é mais patronal do que de trabalhadores. e o povão que se expluda.

  26. o aumento fecha em 10% e a greve naõ sai

    • então a naba não vai ser tão grande assim para os usuários: 10% de R$ 2,60 = R$ 2,86

      • R$ 2,86 é, sim, um aumento abusivo. A tarifa de ônibus em Curitiba já deveria ter sido revista há ANOS, pois quem mora em Curitiba paga por quem mora na Região Metropolitana. A Prefeitura de Curitiba quer fazer a integração com a Região Metropolitana e essas prefeituras não querem se dignar a subsidiar a sua parte e a parte dos seus cidadãos – isso é justo? O Fruet falou na campanha que ia abrir a caixa-preta da URBS e realmente a pergunta é válida: pode aumentar a passagem sem abrir a caixa-preta? Cadê aquele candidato bocudo, que atacava todo mundo na campanha (às vezes, com argumentos sem sentido algum)? Cadê aquela língua afiada toda da campanha, que deve ser usada agora pra acabar com o oba-oba das empresas de ônibus? Tiramos o fracote do Ducci, e entra o medroso do Fruet. Canso de dizer que esse sistema de consórcios é ridículo; que não existe competitividade no sistema de transporte coletivo; que as empresas que operam atualmente estão à beira da falência, sem condição alguma de operar e continuam o seu trabalho porque há um protecionismo da Prefeitura em cima delas (basta ver a Mercês – Orlando Bertoldi, só pelos carros que estão nas linhas que ela opera, e pela lembrança de que a Justiça estava CONFISCANDO ônibus deles para pagar contas atrasadas) – se uma empresa que passou por uma licitação deu provas claras de que não tem condições de desempenhar seu serviço conforme o contrato de licitação, ela deve ser retirada e uma nova licitação deve ser feita. Mas tudo o que temos em Curitiba é um prefeito mais fracote que o anterior.

        • O pior Luizão que eu tenho que concordar com você apsar de ter votado no Fruet, e bom deixar claro que não tinha outro candidato, se não fosse o Fruet seria nulo.

      • vamos a matemática:

        Estamos falando de um aumento de R$0,26 em cada passagem.

        Um trabalhador que usa o trasporte coletivo para ir e voltar do trabalho gastará por dia mais R$0,52.

        Considerando que este mesmo trabalhador use este coletivo 22 dias do mes, ele ira gastar a mais por mes R$11,44

        O mesmo em um ano de tralho ira gastar R$137,00

        Agora vamos pensar o impacto que isto fará com um funcionario que recebe um salario minimo por mes?

        É uma pena que esse problema sobre no bolso do trabalhador…

        O prefeito poderia resolver esse problema como prometido… Ganhou meu voto na malandragem!!!

        • estamos falando de um trabalhador MUITO privilegiado, que usa apenas um busao para ir e outro para voltar!!!!

          Agora imaginem os que usam 2 ou 3 ou mais para ir e voltar!!! é só multiplicar

          • Concordo que o Fruet tá devagar quase parando… mas uma coisa não devemos nos esquecer: este problema do transporte coletivo não começou no dia 01/01/2013 já remonta a administração do Cassio e do Beto. Espero que ele abra a tal da caixa preta…
            Uma coisa é certa, se eu fosse empresário não participaria de licitação para perder dinheiro.

        • se não e engano, o trabalhador que utiliza o transporte público contribui com 6% em cima do salário, quem vai arcar com essa diferença é o empregador.

      • Esmael,

        vc viu a noticia que saiu há pouco na Gazeta? A própria assessoria da URBS mais uma vez defendendo os empresários, dizendo que é inviável deixar o aumento para depois da auditoria. É realmente urgente a alteração integral da Diretoria da URBS e é inaceitável que haja aumento antes da abertura da famigerada caixa preta!

    • Prezado Esmael,

      Realmente é inadmissível que aumentem a tarifa que já é caríssima, antes de efetivamente abrirem a famigerada caixa preta e principalmente antes de ser trocada integralmente a Diretoria da URBS!

    • e quanto e quando vai ter o aumento