Dilma chora ao consolar pais das vítimas em Santa Maria (RS)

do Brasil 247

Acompanhada por ministros, pelo governador do Rio Grando do Sul, Tarso Genro, e pelo prefeito de Santa Maria, Cezar Schirmer, presidente Dilma Rousseff conversou com feridos do incêndio na boate Kiss no Hospital de Caridade e seguiu para o ginásio do Centro Desportivo Municipal (CDM), onde estão parentes dos mortos. Após 15 minutos no local, onde chorou ao consolar familiares de vítimas, a presidente seguiu para Brasília.

Acompanhada por ministros, pelo governador do Rio Grando do Sul, Tarso Genro, e pelo prefeito de Santa Maria, Cezar Schirmer, presidente Dilma Rousseff conversou com feridos do incêndio na boate Kiss no Hospital de Caridade e seguiu para o ginásio do Centro Desportivo Municipal (CDM), onde estão parentes dos mortos. Após 15 minutos no local, onde chorou ao consolar familiares de vítimas, a presidente seguiu para Brasília.

A presidente Dilma Rousseff foi ao Hospital de Caridade, onde visitou as vítimas do incêndio da boate Kiss, informa o Diário de Santa Maria. Dilma chegou ao local por volta das 13h56min, acompanhada dos ministros Alexandre Padilha (Saúde), Aloizio Mercadante (Educação), Fernando Pimentel (Desenvolvimento), Maria do Rosário (da Secretaria de Direitos Humanos).

Ainda no Chile, a presidente anunciou o cancelamento de sua agenda na cúpula entre América Latina e União Europeia. “à‰ uma tragédia para todos nós. Não vou continuar na reunião, por razões muito claras. Diante do que ocorreu, quem precisa de mim hoje é o povo brasileiro e é lá onde eu tenho de estar”, disse.

Acompanhavam Dilma na visita ao hospital o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, e o prefeito de Santa Maria, Cezar Schirmer. A presidente chegou a Santa Maria, à s 13h35, Segundo informações do Hospital de Caridade. Há entre 50 e 70 pessoas internadas no local. Dilma e os ministros se reuniram no terceiro andar do hospital.

Após a visita à s vítimas no Hospital de Caridade, a presidente se dirigiu ao ginásio do Centro Desportivo Municipal (CDM), onde estão os corpos das vítimas do incêndio da boate Kiss, que ocorreu por volta das 2h30min deste domingo. A presidente ficou por cerca de 15 minutos no local, onde cumprimentou familiares das vítimas e chorou ao consolar pais de jovens mortos na tragédia. Dilma foi embora sem falar com a imprensa e seguiu para Brasília.

11 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Me solidarizo com a dor de nossos irmão gaúchos. Comento também que , em minha opinião, o comentário do “MARCELO BIRELLO MARCHI” foi puramente irônico, em razão do comentário imbecil do sem noção do “Tablle D’ôte”. A crítica da “Maria fuxiqueira” é perfeita, mas para o sem noção. Acho doente misturar política com um fato tão triste……

  2. A presidentE expressa o sentimento de cada um e de todos os brasileiros.

  3. Dilma fez o que um presidente deve fazer numa hora dessa: Deu apoio. Não votei nela. Mas essa e outras ações da Dilma me fazem pensar em votar NA pessoa DILMA.

  4. E fica a pergunta: “Como continuar? ”
    A dor é forte demais e a vontade de desistir persiste. Porém, podemos e devemos continuar. Se o sorriso de outrora não pode mais ser visto, procuremos encontrá-lo na alegria expressada no rosto de uma criança carente que acabamos de auxiliar. Se as mãos não podem mais ser tocadas, levemos o calor de um abraço sincero a quem passa por grandes sofrimentos. Se a música não pode mais ser dançada, espalhemos a melodia entre os enfermos de um hospital. Se a voz não pode mais ser ouvida, procuremos semear palavras de esperança por onde andarmos. Se as estrelas não têm o mesmo brilho de outrora, nos esforcemos em iluminar o caminho daqueles que se encontram entre as trevas. Se não podemos mais oferecer flores, trabalhemos para florir todos os jardins do mundo. Se a luz parece ter ido embora, procuremos suavizar a escuridão que reina em tantos lares necessitados. Se o riso se foi, procuremos trazer alegria para quem está desanimado diante de tantos obstáculos. Se o sol deixou de brilhar, transformemo-nos em um farol para iluminar o caminho de quem se encontra perdido. Se a ausência parece machucar o nosso coração, procuremos levar esperança a quem deixou de acreditar. Se os encontros perderam a sua graça, procuremos entender o milagre que podemos realizar quando estendemos a mão a quem está caído. Se o físico se foi, o espírito ainda vive e sente. Devemos acreditar que o reencontro está marcado. Sim, devemos continuar. Devemos sentir saudades sim, mas jamais tristeza. Devemos preencher o vazio que sentimos com gestos de amor. Porque só o amor é capaz de grandes transformações. Só o amor rompe todas as barreiras. Só o amor cala as nossas feridas. E só o amor nos leva a crer que não importa as perdas que a vida nos impõe, devemos sempre continuar….

    • …até que as perdas mesmas sejam vencidas, renascidas…até ganharmos novamente, com todo o amor……….magnífico!

  5. Meu Deus este marcello deve ser um baita de um ignorante nem numa tragédia desta nao deixa esta merda de política de lado ,se liga curitiboca ignorante o momento e de tristeza a nossos irmãos do Rio grande do Sul.

    • O esquerdismo e a ignorancia é tanta que só pensam em colocar a culpa no PT. PQP…. essas pessoas não tem um pingo de sentimento humano. O Brasil está de LUTO, desenas de jovens morreram, milhares de parentes estão sem chão o caboclo quer falar de politica!!! meus sentimentos a todos que perderam um ente querido, e a todos que ainda estão hospitalizados. Força , Fé e muito amor no coração

  6. “Concerteza”…
    PROVAVELMENTE O INCÊNDIO DEVE SER DE AUTORIA DO PT.

  7. É triste saber q tantas vidas se foram nessa tragédia, tanta vitimas estavam apenas começando a viver meus pessames para todos os familiares e q consigam força para suportar essa perda tão grande e q todos estejam nos braços do pai.

  8. O PT deu muita bandeira de que tá usndo esta tragédia a seu favor!