Por Esmael Morais

Em São Paulo, Marta anuncia que vai entrar na campanha de Haddad

Publicado em 27/08/2012

“Acho que vai virar. Acho que vai virar tanto que é capaz de ir o (Celso) Russomanno e o Haddad (para o segundo turno). Tem candidato caindo e candidato subindo, né?”, apontou.

Aos jornalistas, Marta minimizou as críticas da campanha de José Serra à  sua gestão e disse que os seus quatro anos de governo ficaram marcados na história da cidade. Questionada sobre o uso do “bilhete mensaleiro” pela campanha do PSDB, Marta classificou a expressão do adversário como apelação. “Tem que apelar para tudo, né?”, comentou.