CPI do Cachoeira vota convocação de dono da Abril e jornalista da Veja

Do R7, com informações do Jornal da Record

A CPI que investiga as ligações do bicheiro Carlinhos Cachoeira com políticos, empresários e jornalistas deve votar nesta terça-feira (14) a convocação do dono da Editora Abril, Roberto Civita, e o redator-chefe da revista em Brasília, Policarpo Jr.

Deputados e senadores querem explicações sobre a possível relação do jornalista com o bicheiro. Diálogos entre os dois aparecem em gravações da PF (Polícia Federal). De acordo com as investigações, os encontros entre Cachoeira e Policarpo Jr. para combinar reportagens eram frequentes e a relação entre eles vem de vários anos.

Em escuta telefônica feita pela PF, Cachoeira e o ex-senador Demóstenes Torres falam sobre um suposto esquema para beneficiar a empreiteira Delta utilizando a revista Veja (assista vídeo abaixo). Os dois conversam sobre uma reunião do sindicato das empreiteiras em que seria combinado o vencedor da licitação de obra na rodovia BR-280, no Paraná.

A armação seria flagrada pelo diretor da Veja. Policarpo iria infiltrado ao encontro em que a Delta ficaria de fora. O áudio mostra o ex-senador e o bicheiro comemorando a ação apoiada pelo jornalista.

A reportagem da Veja, publicada a partir do episódio em julho do ano passado, provocou a queda da cúpula do Ministério dos Transportes, por suspeita de desvio de recursos. O alvo, o ex-ministro dos Transportes Alfredo Nascimento continuou no cargo; mesmo assim, Cachoeira parabenizou o jornalista da Veja pelo “serviço”.

Logo em seguida o ministro foi demitido pela presidente Dilma. Segundo a PF, o bicheiro também conseguia evitar que reportagens contrárias a seus interesses fossem publicadas na Veja.

Comentários encerrados.