Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Rubens Bueno faz exigências para aceitar a vice de Ducci

Deputado federal Rubens Bueno (PPS). Foto: Nani Gois.

O deputado federal Rubens Bueno, líder do partido do voto limpo na Câmara, o PPS, anda tricotando nos bastidores da política paranaense muito mais do que supõe a vã filosofia. Ele tem realizado reuniões secretas com o governador Beto Richa, do PSDB, e o prefeito Luciano Ducci, do PSB, candidato à  reeleição.

Com a confirmação de que o PMDB lançará Rafael Greca, portanto, sem possibilidade de acolher algum peemedebista na vice, Ducci e Richa agora miram no “limpinho”.

Rubens aproveita para fazer suas exigências, que não são nada pequenas: 1- a vaga para disputar o Senado em 2014; e 2- o compromisso de Richa e Ducci de que ele será candidato a prefeito do grupo em 2016.

O diabo é que o senador àlvaro Dias pensa renovar seu mandato pelo partido e o presidente da Assembleia Legislativa, Valdir Rossoni, também sonha transferir-se para a Câmara Alta.

Caso as exigências de Rubens não sejam atendidas, o partido do voto limpo coloca à  disposição para a vice de Ducci o nome da vereadora Renata Bueno, também pré-candidata à  prefeitura. O problema é que os colegas de parlamento da moça têm azia só de ouvir falar no nome dela, que recentemente os chamou de “gentalha”.

A terceira hipótese — se a vice não ficar com Rubens ou a filha — é a candidatura de Renata ser efetivada com o compromisso de discutir apoio a Ducci no segundo turno.

Na briga pela vice do prefeito ainda tem os deputados Fernando Francischini (PSDB), Ney Leprevost (PSD) e Luiz Carlos Martins (PSD).

Comentários desativados.