Em Foz, Reni Pereira deverá bater chapa com Gilmar Piolla

Piolla pode reunir 12 partidos e Reni já confirmou sete legendas.

O deputado estadual Reni Pereira, do PSB, completou ontem seu esquadrão partidário para enfrentar a guerra pela prefeitura de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná. Sete agremiações estão alinhadas com o parlamentar: PSB, PSC, PMN, PSL, PRP, PSDC, PRTB e PSDC.

Possivelmente, o principal oponente do deputado Reni deverá ser o jornalista Gilmar Piolla, do PT, que ainda espera a confirmação de apoio das legendas que gravitam em torno do prefeito do município, Paulo Mac Donald, do PDT.

Se se confirmar o arco de aliança sonhado, o petista Piolla poderá reunir doze siglas para as batalhas vindouras: PDT, PMDB, PCdoB, PP, PPS, PT, PR, PP, PSC, PTN, PSD e PHS.

Reni Pereira diz que está preparado para uma campanha sangrenta.

A que tudo indica será uma campanha sangrenta, mas como disse minha esposa Claudia, quem tem Deus no coração não teme o que vem do outro lado!, disse o candidato do PSB.

Do outro lado da cerca, Piolla afirmou que fará uma campanha “paz e amor”, sem agressões pessoais e com muitas propostas.

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Olá Esmael
    PSC está colocado nas duas listas, mas já firmou em convenção apoio a Reni Pereira. PHS e DEM já confirmaram apoio a Reni. O PMDB esteve com Beltrame e Dobrandino (as principais lideranças do partido) na convenção do PSB prestigiando Reni Pereira. Como o prefeito Paulo está conduzindo de forma desastrosa a “Terceira Margem do Rio” querendo impor alguém que seja marionete de sua continuidade, o PT que espera pela decisão do prefeito será o grande prejudicado.
    O prefeito Paulo com sua enorme rejeição se colar no jovem Piolla, sem rejeição, não somará nada de positivo. Acredito que o Piolla deve se afastar o quanto antes do Paulo e daquilo de ruim que o cerca, senão somará tão somente rejeição e despediçará sua possibilidade de poder disputar.
    O PT de Foz não precisa do Paulo, precisa se unir em torno de um ideal.
    Abraços

  2. Conheço o jovem Piolla e com toda certeza será um grande prefeito, caso consiga ser eleito.