Justiça do PR estabelece fiança de R$ 93 mil para libertar ex-deputado preso

Carlos Simões.
do G1/PR

Para que o ex-deputado estadual, Carlos Simões, reconquiste a liberdade terá que pagar fiança de 150 salários mínimos, que correspondem a R$ 93.300.

A determinação foi dada pelo juiz substituto César Maranhão de Loyola Furtado da 9.!ª Vara Criminal de Curitiba, nesta terça-feira (31). Além da fiança, o ex-deputado terá que comparecer mensalmente em juízo.

Até as 16h18, Carlos Simões ainda estava detido no Centro de Triagem II, em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba.

Simões foi preso preventivamente na quinta-feira (26), pela Polícia Militar, por não ter sido localizado nos endereços que informou no processo que responde por peculato.

Um mandado foi expedido no fim de 2011, mas não tinha sido cumprido. Ele é suspeito de participar do esquema dos “Gafanhotos” na Assembleia Legislativa, no qual parlamentares deputados estaduais da época autorizavam que os salários dos funcionários da casa fossem depositados em uma única conta corrente. Em alguns casos, as contas eram dos próprios deputados e os funcionários não trabalhavam na Casa.

Comments are closed.