Acampamento na Câmara de Campo Magro entra no décimo dia

Acampamento em Campo Magro entra no décimo dia.Cerca de 30 pessoas vem mantendo há dez dias um acampamento em frente à  Câmara Municipal de Campo Magro, na região metropolitana de Curitiba.

O movimento visa impedir que os vereadores votem a extinção de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que aprovou a cassação do prefeito José Pase (PMN) em setembro de 2011.

Apesar da cassação, o prefeito manteve-se no cargo graças a uma liminar concedida pelo Tribunal de Justiça (TJ) dois dias depois da decisão da Câmara.

Nesta terça-feira (31), a partir das 13h30, o TJ apreciará o mérito da liminar que garantiu Pase à  frente da prefeitura.

Segundo o coordenador do acampamento, Miguel Mozzilli, a presença de populares no movimento impediu que os vereadores destituíssem a CPI por quatro vezes.

à‰ a primeira vez que um movimento deste tipo acontece em Campo Magro e o interessante é que população nos apoia doando alimentos e prestando solidariedade!, disse Mozzilli.