Oposição consegue adiar votação do projeto das privatizações para segunda-feira

Uma Questão de Ordem apresentada pela bancada de oposição na Assembleia Legislativa (Alep) nesta quarta-feira, 30, trancou a pauta da sessão e impediu que o projeto 915/2011, que autoriza o governo Beto Richa (PSDB) a terceirizar serviços públicos a Organizações Sociais, as OSs, fosse colocado em votação.

Os sete deputados do PT, que compõem a bancada de oposição, apresentaram ao presidente da Alep, deputado Valdir Rossoni (PSDB), uma Questão de Ordem pedindo que a votação da matéria fosse retirada da Ordem do Dia por conta da não votação pelo plenário de dois vetos do Executivo que estão datados. São os vetos 23/2011, de agosto e 33/2011, de outubro.

De acordo com o regimento interno, os vetos devem ser colocados em votação dentro de trinta dias a partir do dia do recebimento pela Casa, caso contrário, eles trancam a pauta.

O líder da oposição e presidente do PT do Paraná, deputado Enio Verri, comemorou a vitória da bancada. Ele destacou que a sociedade paranaense terá um pouco mais de tempo para discutir e se manifestar sobre o projeto.

A oposição hoje deu um salto de qualidade. Ganhamos um tempo que será precioso, que deve ser utilizado para que a sociedade possa debater esta proposta. Se os movimentos organizados de todo o Paraná se mobilizarem e um representante de cada movimento vier a Curitiba para pressionar o governo e os deputados contra este projeto que consideramos privatista, acredito que podemos alcançar um bom resultado!, afirmou.

O deputado Tadeu Veneri, que apresentou a Questão de Ordem, disse no plenário que os deputados da oposição iriam à  Justiça para anular a sessão de hoje, caso a presidência se recusasse a acatar o argumento da bancada petista.

O governo tem pressa em aprovar a matéria e acabar com qualquer tipo de debate e com as manifestações na Assembleia. O governo tem medo até do som do bumbo!, ironizou Veneri.

Com a medida, o projeto deverá ser colocado novamente em votação apenas na próxima semana.

6 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Parabens aos nossos Deputados Petistas que são grandes guerreiros. Vamos nos unir contra essa aberração desse governo privatista. Vamos protestar unidos paranaenses, pelo bem de todos os trabalhadores do Estado do Paraná. Fora privatizacão já…Respeito é que os trabalhadores Paranaenses merecem e muito…

  2. Muita competência da oposição para barrar a votação. Além de transformar o plenário em comissão geral, ainda queriam uma sessão extraordinária para aprovar o pl ontem mesmo! Rossoni não queria aceitar o veto proposto por Tadeu Veneri de jeito algum, mas não teve como ir contra o regimento da casa. Parabéns ao excelente trabalho realizado pela bancada do PT ontem!

  3. E o Betinho quanto ganhou no aumento do pedagio e ganhará nas privatizações?

  4. pressionar semana que vem, vamos lá fazer o debate privtização disfarçada como as da prefeitura de Curitiba não

  5. Por falar em privatização, Esmael, procure saber como a Copel pagou e quanto pela decoração de Natal de Curitiba feita por um italiano. A secretaria Municipal de Turismo que intermediou o negócio com o dinehiro da Copel!!!!!