Dilma diz que denúncias contra Lupi são frágeis

A presidenta Dilma Rousseff torceu o nariz para o denuncismo da mídia ao afirmar, nesta quinta, que vai manter o ministro Carlos Lupi no Trabalho.

Segundo o deputado federal Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), o Paulinho da Força, a presidenta deu aval para que o correligionário continue no cargo.

“Dilma disse querer que Lupi fique porque as denúncias são frágeis”, declarou o parlamentar pedetista, ao assegurar que o partido vai apoiá-lo.

“Ele quer enfrentar as denúncias e não sair como corrupto do Ministério”, relatou Paulinho.

Lupi esteve com a presidenta Dilma hoje cedo e amanhã se encontrará com a cúpula do PDT, depois do depoimento no Senado.

Comentários encerrados.